À hora que escrevemos este artigo, a primeira fase da migração para a Televisão Digital Terrestre já está concluída. O desligamento do emissor e retransmissores que afetavam os distritos de Aveiro, Braga, Guarda, Porto, Vila Real e Viseu estava marcado para as 11 horas e terá adicionado cerca de 3,1 milhões de portugueses aos 4,8 milhões que passaram pelo processo nas últimas semanas.

Tal faz com que o número de portugueses que só têm acesso ao sinal digital de televisão se situe atualmente nos 7,9 milhões.

Até à data, o switch-off da televisão analógica envolveu o desligamento do emissor de Reguengo do Fetal, a 13 de fevereiro último, do emissor de Monsanto e dos emissores de Palmela e da Foia.

As regiões de Alenquer, Agualva-Cacém e a Nazaré tinham dito adeus ao sinal analógico de televisão ainda em 2011, por terem sido escolhidas para um piloto que testou a migração para o sinal digital.

Com o desligamento do emissor de São Macário, esta quinta-feira, foram igualmente desligados os retransmissores analógicos de Préstimo, Viseu, Cedrim, Vouzela, Vale de Cambra, Covas do Monte, Santa Maria da Feira, Arouca, Rio Arda, Lalim, Vila Nova de Gaia, Foz, Valongo, Santo Tirso, Caldas de Vizela, Caldas de Vizela II, Amarante, Gondar, São Domingos, Ancede, Caldas de Aregos, Resende, Lamego e Santa Marta de Penaguião.

A segunda fase do switch-off está marcada para 22 de março e abrange as regiões autónomas dos Açores e da Madeira.

Em dados revelados a 16 de fevereiro, Amado da Silva, presidente da Anacom, referiu que os serviços da entidade reguladora receberam perto de 1.000 queixas durante o mês de janeiro, valor que quase igualou as 1.200 registadas durante todo o ano de 2011.

Mesmo assim, os números são considerados dentro do expectável, com o responsável da Anacom a defender que o processo "está a decorrer razoavelmente bem, como previsto".

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Patrícia Calé

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.