A Associação dos Operadores de Comunicações Eletrónicas (APRITEL), reforçou a contínua descida dos preços de comunicações praticados em Portugal, referente ao mês de abril, quando comparado com o resto da Europa. A informação baseia-se nos dados mais recentes da EUROSTAT, o barómetro que a associação se tem baseado para demonstrar “forte dinâmica competitiva do mercado Português de comunicações eletrónicas”, diz a associação.

APRITEL afirma que Portugal continua a liderar a descida de preços das comunicações na Europa
APRITEL afirma que Portugal continua a liderar a descida de preços das comunicações na Europa
Ver artigo

Assim, relativamente aos dados de abril, nos últimos 12 meses, em média, o índice dos preços reduziu 0,9%, enquanto que na União Europeia desceu 0,2%. Portugal mantém o segundo lugar, atrás da Grécia no que diz respeito à baixa de preços do pacote de comunicações utilizado por 88% das famílias portuguesas. Portugal baixou 2,5%, enquanto a Grécia reduziu 3,2%. A Áustria volta a fechar o pódio com uma redução de 2,3%. Do lado oposto, a Polónia regista o maior aumento de 8,7%, seguindo-se a Hungria (3,1%) e os Países Baixos (1,9).

Baixa de preços de comunicações em Portugal - abril 2021

A APRITEL destaca ainda que os dados comparativos de evolução de preços suportados no IHPC (Índice harmonizado de preços no consumidor) do EUROSTAT não podem ser utilizados para comparar níveis de preços entre países, mas apenas a evolução dos mesmos. Este é, aliás, o ponto de discórdia com a Anacom, que continua a considerar Portugal como um dos países com o preço dos dados móveis mais elevados da Europa.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.