Os receios de contágio com o Coronavírus estão a levar algumas empresas a desmarcarem os seus compromissos no Mobile World Conference, a grande feira de tecnologia que decorre esta ano em Barcelona entre os dias 24 e 27 de fevereiro. Depois da LG é agora a vez da Ericsson anunciar que não vai estar no evento organizado pela GSMA.

A Ericsson é uma das maiores fabricantes europeias de telecomunicações e tem investido fortemente no 5G, pelo que a ausência do maior certame dedicado a esta área, ainda por cima na Europa, é um "rombo" de peso no MWC. A empresa sueca é também um dos maiores expositores, ocupando habitualmente um dos maiores stands da feira.

"Após uma extensa avaliação de risco interno, a Ericsson decidiu adotar outras medidas de precaução retirando-se do MWC Barcelona 2020, o maior evento do setor de telecomunicações.", pode ler-se no comunicado. "Na sequência do surto e a disseminação contínua do novo vírus corona, a Ericsson acompanhou de perto o desenvolvimento e aderiu às recomendações das autoridades nacionais relevantes e de organismos internacionais, como a OMS. A empresa já tomou várias medidas de precaução para garantir a saúde e a segurança dos funcionários e minimizar o impacto nas operações da empresa", refere ainda a empresa. 

LG não vai participar no MWC 2020. Coronavírus pode levar mais empresas a tomar a mesma decisão?
LG não vai participar no MWC 2020. Coronavírus pode levar mais empresas a tomar a mesma decisão?
Ver artigo

Segundo o comunicado da Ericsson, a responsabilidade da empresa pela saúde e segurança dos empregados, clientes e outros stakeholders é "a principal prioridade da empresa", como sublinha Börje Ekholm, presidente da Ericsson, que afirma que  "esta não é uma decisão que tomamos de ânimo leve. Estávamos ansiosos para apresentar nossas últimas inovações na MWC em Barcelona. É uma pena, mas acreditamos firmemente que a decisão comercial mais responsável é retirar nossa participação do evento deste ano".

Embora reconheça o esforço que a GSMA está a fazer tudo o que é possível para controlar os riscos, mas "como um dos maiores expositores a Ericsson tem milhares de visitantes no seu stand a cada dia, e mesmo que o risco seja reduzido a empresa não pode garantir a saúde e segurança dos empregados e visitantes".

Para mostrar as demos que tinha preparado para o MWC a Ericsson vai fazer um roadshow a que chamou Ericsson Unboxed e que vai passar por vários mercados.

Impacto no Mobile World Conference

O Mobile World Conference é a maior conferência de tecnologia na Europa e junta mais de 100 mil visitantes ligados ao sector. Apesar de ser na Europa, o evento é verdadeiramente global, com 208 países representados, mais de 2.400 empresas e uma conferência com 320 oradores, 3.500 jornalistas e muita animação.

As maiores fabricantes do mundo da mobilidade e tecnologia marcam aqui lugar, reservando os grandes anúncios e participando com conferências e stands de grande dimensão, trazendo colaboradores, clientes e parceiros, marcam reuniões e concentram nestes dias grande parte da identificação de oportunidades, a possibilidade de "espreitar a concorrência" e de ver tendências.

Logo após a desistência da LG a GSMA fez uma comunicação garantindo que continua a acompanhar a situação e que tomou todas as precauções.

Também depois do anúncio da saída da LG, a Bloomberg questionou várias empresas sobre a sua intenção de manter a presença no MWC.

Há receio porém de que o movimento de abandono esteja apenas a começar e que outras empresas tomem a mesma opção.

Mesmo sem o MWC, não há dúvidas que a propagação do Coronavírus está a dar dores de cabeça às organizações e empresas que têm negócios na China. O vírus, que já matou mais de seiscentas pessoas na China e já se espalhou por quase 20 países, tem sido motivo de algumas decisões de contenção. Empresas como a Apple, Google e Amazon, entre outras, estão a impedir que os seus empregados de viajarem e até regressarem da China.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.