As chamadas móveis estão a substituir o tempo de conversação por telefone fixo. Esta é a conclusão de um relatório da Analysys que indica que esta realidade é mais notória na Finlândia, onde 67,6 por cento das chamadas são móveis. A consultora estima ainda que, no próximo ano, 90 por cento das chamadas por voz sejam feitas através do telemóvel neste país.



O estudo "The Acceleration of Fixed-Mobile Substitution in Western Europe: facts and figures", refere que após vários anos de estagnação, as chamadas móveis aumentaram 23 por cento em 2006 sendo que, em cinco mercados europeus já se assume como a principal forma de comunicação por voz.



Mesmo assim, nem todos os mercados mostram as mesmas tendências que a Finlândia. Na Alemanha, apenas 24,3 por cento dos telefonemas efectuados em 2006 foram feitos a partir de equipamentos móveis. Porém, esta percentagem representa uma subida de 6,8 pontos percentuais face a 2005.



Os responsáveis pelo estudo indicam que a migração para as comunicações móveis era esperada embora a transição esteja a ser mais rápida do que o previsto, o que pode prejudicar as operações das operadoras de redes fixas que, cada vez mais, tentam procurar novas fontes de rendimento para suportar os seus serviços, indica o relatório.



Por outro lado, as conversações por VoIP parecem ter pouco impacto na migração do tráfego de conversações por voz para os dispositivos móveis, dizem os analistas frisando que, o dinheiro poupado nas conversações sobre IP acaba por ser gasto nas chamadas móveis e não nas fixas.




Notícias Relacionadas:

2007-06-30 - Novas regras para o roaming na UE entram em vigor

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.