A iniciativa, que tinha sido começada a descortinar em novembro de 2016, abrange a disponibilização da plataforma em português de Portugal com mais conteúdos e adaptados à realidade escolar do país.

Por agora, a mudança colocará os conteúdos de Matemática até então alojados no site da Fundação PT na plataforma Khan Academy internacional, acessível em www.fundacao.telecom.pt.

A ideia é que a plataforma apresente novos conteúdos para Portugal, “comportando centenas de vídeos explicativos e milhares de exercícios práticos interativos de Matemática, sugestões de resolução e relatórios de progresso, permitindo uma monitorização permanente da performance e da evolução na aprendizagem e no domínio da disciplina”, refere-se num comunicado. Em breve, serão também integrados na plataforma conteúdos em português de Física, Química e Biologia, acrescenta-se.   

Ao lançamento da Khan Academy em português com maior diversidade e segmentação de conteúdos associa-se o arranque de um piloto, com o apoio da Samsung, que levará a plataforma a cinco agrupamentos escolares da zona oeste. A iniciativa irá abranger 850 alunos do ensino básico, 11 escolas e mais de 30 professores entre 2017 e 2018.

“Com a extensão da Khan Academy à sala de aula, alunos, pais e professores passam a ter acesso, com perfis de funcionamento específicos e de forma articulada, à Khan Academy”, diz-se na nota enviada à imprensa. “A DGE, a EDUCOM e a Fundação PT cooperam, deste modo, na tradução e adaptação para a realidade portuguesa dos recursos didáticos inovadores da Khan Academy, com o desígnio de levar esta nova abordagem metodológica de ensino ao contexto escolar”. 

 

   

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.