A União Europeia há muito que tem sonhado com o eCall e ontem, 26 de fevereiro, os eurodeputados aprovaram um projeto de lei que torna obrigatória a implementação do sistema de emergência em todos os carros novos a partir de outubro de 2015.

Foram 485 os eurodeputados que aprovaram o projeto, contra 151 votos de oposição e 32 abstenções. O sistema eCall vai ser gratuito e transversal a todos os países, isto é, além de ser implementado nos 28 Estados-Membro, um utilizador pode usufruir do sistema mesmo que esteja fora do país de origem.

Os responsáveis europeus acreditam que a implementação do eCall pode ajudar a diminuir o número de mortes na estrada, através de uma resposta pronta dos serviços de emergência, e também o número de feridos. Estima-se que a ferramenta pode ajudar a salvar 2.500 vidas por ano.

Em 2012 morreram 28 mil pessoas e outros 1,5 milhões ficaram feridos em acidentes rodoviários, de acordo com dados da UE.

O sistema eCall estabelece automaticamente uma chamada para o 112, mas o sistema também pode ser ativado pelos próprios condutores. A ferramenta envia as coordenadas precisas da localização, o que torna mais rápido o processo de salvamento.

O projeto de lei aprovado ontem prevê que o sistema seja instalado em todos os carros novos e veículos comerciais ligeiros. Os membros do Parlamento Europeu revelam em comunicado que a data limite de outubro de 2015 pode vir a ser aumentada caso as fabricantes não consigam desenvolver e testar o eCall até lá.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.