A Vodafone apresentou na sua sede, no Parque da Nações, a sua nova plataforma de televisão, prometendo novas funcionalidades “disruptivas para elevar a experiência dos seus clientes a um novo patamar”. Esta foi a mote para a apresentação do TV HUB, um projeto de engenharia que pretende “liderar a evolução” da televisão, com diversas valências. O objetivo da empresa é ser a maior e mais avançada plataforma de televisão. “É necessário juntar as boas ideias à capacidade de as escalar e concretizar”, refere o Diretor de Marketing Consumo da Vodafone Portugal, António Margato. De salientar que o TV HUB nasceu em Portugal para o mundo. “Hoje em dia, e desde há 10 anos, que tudo o que introduzimos na televisão deu início na nossa sede em Portugal”. A operadora destaca que é a que mais cresce nos últimos anos, atualmente com 630 mil clientes “satisfeitos”, salienta António Margato.

Com este background foi apresentado a nova VBox 4K, introduzindo uma interface que pretende ser simples e intuitiva (premiada com o prémio internacional Reddot). Uma das principais características é a utilização da inteligência artificial para ir de encontro personalizado dos seus utilizadores. O mini guia TV pretende oferecer a grelha de programação de forma mais rápida e simples. A empresa introduz ainda um novo sistema de smart replay, uma nova UX para aceder aos melhores momentos, sobretudo no desporto.

A pesquisa inteligente por voz é uma das características mais importantes da nova plataforma. Desde comandos simples e diretos como pesquisar um canal específico ou dar ordens para ligar e desligar. Mas salienta o sistema de pesquisa mais complexa e inteligente, como por exemplo, pedir para encontrar filmes com determinado ator.

A plataforma vai ter apps novas, e algumas exclusivas como a HBO e o YouTube Kids. Mas terá ainda o YouTube e o Netflix. O serviço de Espaço Cidadão, apresentado na semana passada, será igualmente importante na experiência geral dos utilizadores. Mas não há mais novidades a acrescentar, sendo reservado para os próximos meses novidades sobre esta funcionalidade, nomeadamente a integração do Serviço Nacional de Saúde.

A introdução de uma área para os mais pequenos, a Área Kids, desenhada a pensar nas crianças. Cada utilizador pode criar o seu avatar e depois é possível organizar os seus conteúdos. De destacar o sistema de controlo parental para programar a hora de utilização e até desligar a televisão, de forma a não ser intrusiva para os mais pequenos.

A nova plataforma de televisão será alimentada pela nova Box, a VBox+4K que utiliza um comando ligado por BlueTooth, abrindo um leque de novas funcionalidades. A ligação Wi-Fi da box vai permitir ligá-la à rede doméstica. Através do comando, que tem um microfone incorporado, é possível ir procurando os conteúdos. A funcionalidade é útil para procurar filmes temáticos, com atores específicos, mas também mudar de canal. Quantas vezes saltamos entre as dezenas de canais para procurar um em específico, por não saber a sua posição na grelha? Basta dizer o seu nome, e rapidamente o sistema encontra o respetivo canal.

Há também uma nova aplicação da Vodafone, para iOS e Android, disponível em breve. A partir de hoje, a oferta para novos clientes permite aderir à nova box, com os seus serviços. Os clientes atuais também podem aderir, mas se subscreverem os pacotes de serviços adicionais.

Durante a demonstração do novo menu da televisão, os utilizadores podem manter a navegação habitual pela grelha de canais, listando os sete dias anteriores e seguintes, mas a novidade é a reordenação, com alguns novos elementos visuais. Os utilizadores podem aceder ainda aos programas que estão a visualizar, e que tinham ficado a meio. Há um novo mini guia, que permite visualizar rapidamente, com pequenas imagens “picture in picture” com a pré-visualização do próximo canal, sem nunca deixar de funcionar a imagem principal de fundo.

Sobre as pesquisas por voz, a Vodafone requereu a solução da Google Assistent. Relativamente ao comando, e sobre a privacidade dos dados áudio capturados pelo microfone, a Vodafone explica que este está sempre desligado, sendo necessário os utilizadores manterem premido um botão para este reconhecer a voz.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.