A associação internacional Wi-Fi Alliance desenvolveu recentemente um programa de certificação para os chamados "hot spots" nos EUA, espaços onde se disponibiliza acesso wireless público à Web, mediante o pagamento de determinada quantia.



Através do seu novo programa Wi-Fi Zone, a Wi-Fi Alliance pretende introduzir alguma regulamentação entre os cerca de 4.000 hot spots existentes nos EUA, todos oferecendo diferentes experiências aos utilizadores, afirmou o director-executivo Dennis Eaton, citado pela News.Com.



O objectivo é, de acordo com o responsável, fornecer aos clientes um indicador de confiança que lhes permita identificar os fornecedores de serviços aderentes a uma norma comum de qualidade.



O programa requer, entre outras coisas, que a velocidade de ligação disponibilizada seja no mínimo de 128 kbps, juntamente com uma VPN (Virtual Private Network), para que os clientes possam receber e enviar dados seguramente. Os hot spots que respeitarem estes requisitos ganharão direito a apresentar o logo Wi-Fi Zone.



Para ganhar este tipo de certificação, os pontos de acesso terão igualmente de garantir que os clientes estão ligados à Web 95 por cento do tempo que estiverem a utilizar a rede. De acordo com os novos requisitos, exige-se também que os hot spots disponibilizem suporte técnico, presencial ou telefónico.



A especificação da aliança surge na altura em que o mercado dos hot spots está a começar a arrancar. Prevê-se que o número de tais pontos de acesso nos EUA cresça mais rapidamente em 2003 do que até à actualidade.



O certificação da Wi-Fi Alliance em produtos wireless é considerada essencial entre as fabricantes norte-americanas. Até agora existem mais de 500 produtos Wi-Fi com selos daquela associação.



Notícias Relacionadas:

2002-10-31 - Wi-Fi Alliance anuncia novo padrão de segurança para tecnologia de redes sem fio

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.