O verão deu tréguas por estes dias, mas os festivais de verão estão aí e nos próximos dois meses invadem o país. O Optimus Alive dá o tiro de partida para uma sucessão de fins de semana com ritmos para todos os gostos. Não sendo o primeiro a animar a estação é o primeiro dos grandes a abrir portas e receber os festivaleiros, a partir de hoje e até domingo, dia 14 de julho.



De suporte ao evento existe uma aplicação móvel que está disponível para iOS e Android. A app não é uma estreia desta edição 2013 mas integra algumas novidades. A integração com o concurso que selecionou bandas e DJs para atuar no evento é uma delas, embora já irrelevante para quem só faz o download ou atualização às portas do festival (quem tem instalada uma edição anterior da app só precisa de fazer a atualização, não precisa de descarregar a nova app).



Permite ainda ver e ouvir as participações de bandas e DJs, organizadas por votos ou ordem alfabética, por exemplo, e partilhá-las nas redes sociais ou votar. Cada festivaleiro pode também criar a sua própria agenda personalizada do evento, criar alertas e partilhá-la no Facebook. Juntam-se a estas funcionalidades um conjunto de informações úteis sobre o recinto, o cartaz, o campismo, um mapa do recinto, entre outras.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Quando o Alive terminar começa a preparar-se animação a norte. De 19 a 20 de julho o Meo Mares Vivas entra em cena em Vila Nova de Gaia. Para além de todas as informações úteis da praxe, através da aplicação é possível ir vendo as fotografias publicadas pelos utilizadores. Esta aplicação está disponível para Android.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Com o apoio da mesma marca, o Meo Out Jazz é outro festival que pode ser acompanhado através do telemóvel. Neste caso estão disponíveis aplicações para Android e iOS.



Com um conceito diferente dos antecessores, o OutJazz tem um conceito diferente da maioria dos festivais de verão, espalhando-se no tempo de junho a setembro às sextas-feiras e domingos, em locais diferentes.



No telemóvel pode levar consigo a agenda sempre atualizada dos espetáculos em cartaz e local e respetivos horários. Sem grandes extras está lá o essencial.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Na mesma data que o Marés Vivas, mais a sul, está também marcado o já mítico SuperBock SuprRock, um dos mais antigos festivais de música do país, nascido em 1995. Já esteve em Lisboa, há uns anos mudou-se para o Meco e por se tem mantido.
Este ano decorre de 18 a 20 de julho.

A aplicação para iOS e Android está organizada em áreas que separa novidades, recinto, vídeo e favoritos. Reúnem notícias, vídeos dos artistas que integram o cartaz, detalhes dos concertos e opções de personalização.



Os promotores garantem que uma das características da app é a facilidade de utilização, algo que não se aplica à visibilidade da app, que não é nada fácil de encontrar.



O nome de código - pelo qual está identificado nas lojas - é 19 SBSR e no site oficial também não há informação fácil de encontrar sobre a existência da app... que se transforma assim numa espécie de segredo bem guardado.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Já em agosto, uns quilómetros mais a sul, a Herdade da Casa Branca volta a ganhar vida e a Zambujeira do Mar também. O festival começa a 7 de agosto e prolonga-se até 11.



A aplicação móvel já está disponível e nos últimos dias foi atualizada para integrar algumas novidades. Para esta nova versão a app foi totalmente redesenhada e garante agora um design "mais elegante, fluido e dinâmico", garantem os promotores.



Cartaz, notícias informação sobre meteorologia e ligação direta à rádio MEO SW são algumas das características da app disponível para iOS e Android.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Mas porque há vários festivais que ainda não têm a sua própria aplicação, ou porque pode preferir uma fonte informativa mais centralizada, também há aplicações que reúnem informação sobre os vários eventos deste género em agenda nos próximos tempo.



O FestivAll é um exemplo. Reúne informação sobre bandas, cartaz, horários de atuação ou detalhes e mapa do recinto para um leque alargado de eventos. Os promotores vão mais longe e garantem que a app foi criada para disponibilizar informação sobre "qualquer festival em Portugal", o que está prometido para um futuro próximo.



Para já cobre o Optimus Alive, Meo Sudoeste, Meo Marés Vivas, Festival Músicas do Mundo Sines, Milhões de Festa, Vodafone Paredes de Coura, Sumol Summer Fest, Super Bock Super Rock e EDP Cool Jazz.



O FestivAll tem a vantagem de funcionar offline, pelo que permite aceder a todos os recursos disponíveis (com exceção dos vídeos) mesmo quando a Internet não está ligada. Está disponível para Android.

[caption]Nome da imagem[/caption]

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.