No mês passado, surgiram informações que a Apple estava a planear lançar novos produtos em março, nomeadamente uma nova versão do iPad Pro e uma versão low-cost do iPhone 8. No entanto, o surto do coronavírus poderá trocar as voltas da marca da maçã e pelo menos o iPad Pro pode ser adiado, avança a Bloomberg. A Apple chegou mesmo a fechar as portas das suas lojas na China, mas toda a logística da empresa tem sido afetada. Mesmo as fábricas, que apesar de terem retomado as operações, estão longe de estarem a operar a 100%.

A Apple tinha planos para lançar uma versão atualizada do iPad Pro, com um novo sistema de câmaras na primeira metade do ano, mas o plano poderá ser adiado. A grande dependência das fábricas da China na linha de produção da Apple são a principal razão. A grande capacidade de produção dos trabalhadores bem formados, mas com baixo-custo de mão de obra, tem sido um grande pilar de sucesso na empresa liderada por Tim Cook. E a ligação é recíproca, visto que como a Apple tem oferecido muito emprego à população, tem mantido via verde para vender com facilidade os seus produtos tecnológicos na China.

Antevendo as adversidades que o coronavírus vai causar nos negócios da empresa, na segunda-feira reviu a previsão de ganhos para o atual trimestre, que acaba no final de março. E este período mais negro da empresa repete o cenário do ano passado, na altura devido à guerra comercial entre os Estados Unidos e a China. Espera-se mesmo que os stocks gerais dos produtos da Apple, incluindo os iPhones, poderão esgotar-se se as fábricas não voltarem, o quanto antes, a produzir em massa.

O problema é que parece não haver um plano B para a Apple, no que diz respeito à alocação da produção em outros territórios. A escala da sua rede de produção da China e a capacidade de mão de obra chinesa é incomparável a outros países e impossível de replicar, referem os analistas.

Este mês estamos a celebrar os 20 anos do SAPO TeK. Saiba mais em https://tek.sapo.pt/tag/SAPOTEK20anos

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.