Há muito que se especula sobre o possível lançamento de um headset de realidade aumentada por parte da Apple, sendo que existem vários rumores acerca da data de chegada do equipamento. No entanto, a gigante de Cupertino parece estar a diversificar a sua aposta no que toca a esta tecnologia. Quem o indica é uma patente para a criação de auscultadores de realidade aumentada registada no US Patent and Trademark Office.

A patente da empresa da maçã descreve o equipamento como uma ferramenta auxiliar para videoconferências orientada para o mercado empresarial. De acordo com o documento, os auscultadores de realidade aumentada permitem ao utilizador “ouvir” onde a pessoa do “outro lado da linha” está, mesmo que não esteja fisicamente presente.

Através daquilo que a Apple designa como um “pre-processador”, o equipamento é capaz de criar uma espécie de “sala virtual” baseada na localização do ouvinte.  O sistema recebe o sinal de áudio vindo de cada um dos participantes da chamada e associa-o aos metadados correspondentes para gerar uma representação virtual da localização da sua voz.

Tal como indica a patente, em situações onde não há feedback de vídeo, torna-se particularmente difícil identificar quem está a falar, em especial em conferências telefónicas com múltiplos participantes. As dificuldades de interação durante a chamada podem não só tornar uma reunião constrangedora, mas também ser até um entrave ao progresso de uma empresa.

Para já, ainda não é totalmente claro se a gigante tecnológica irá, de facto, chegar a lançar o equipamento descrito no documento. A Apple regista regularmente diversas patentes, mas nem sempre todas as funcionalidades indicadas se tornam uma realidade.

Aposta da Apple em realidade virtual pode passar por um headset de gaming independente
Aposta da Apple em realidade virtual pode passar por um headset de gaming independente
Ver artigo

No que toca à área da realidade aumentada e virtual, especialistas indicam que é possível que a empresa lance em 2021 ou 2022 headsets focados em experiências multimédia, tais como o gaming, assistir vídeos e até encontros virtuais. Mais tarde, em 2023, a tecnologia poderá escalar para um sistema de óculos de realidade aumentada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.