No final de julho, a Gartner já tinha previsto uma queda nas vendas de telemóveis em 2,5% em 2019. Agora a consultora de venda de telemóveis divulga um relatório mais detalhado que dá conta que o Japão, a Europa Ocidental e a América do Norte são as regiões com o maior declínio, com descidas de 6,5%, 5,3% e 4,4%, respetivamente.

“Nos mercados desenvolvidos, o smartphone "high-end" conta particularmente com demasiada oferta, com preços médios de venda muito altos e sem novas utilidades ou experiências atraentes para os utilizadores sentirem a necessidade de comprar um novo dispositivo", comenta a diretora de pesquisa da Gartner, Roberta Cozza, em comunicado.

Tek Gartner

Quanto aos modelos 5G, a consultora prevê um aumento de vendas no segundo semestre de 2020, não antes devido aos pacotes de serviços 5G com valores elevados.

Por isso, a Gartner considera que em 2019 as vendas de telemóveis 5G não vão ser altas, começando a melhorar apenas em 2020 "à medida que a cobertura e a disponibilidade dos serviços de hardware 5G melhorem”, explica Zimmermann, vice-presidente do departamento de investigação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.