São vários os estudos que mostram que os jovens têm cada vez mais necessidade de estar permanentemente ligados e que até se sentem ansiosos sem acesso à Internet ou aos smartphones. A mais recente análise, da consultora Gallup, concluiu que cerca de metade dos utilizadores verificam os seus telemóveis várias vezes por hora.

Os investigadores apuraram que 11% dos utilizadores norte-americanos verificam o telemóvel a “cada poucos minutos”, 41% verificam “algumas vezes por hora”, 20% verificam “uma vez por hora” e outros 28% verificam “com menos frequência”.

A empresa de pesquisas divulgou ainda que 81% das pessoas admitiram deixar os seus telemóveis por perto “a maior parte do tempo durante as horas em que estão acordados” e 63% fazem-no mesmo quando estão a dormir. Esta condição é especialmente recorrente entre os jovens, em que um em cinco "verifica o telefone a cada poucos minutos”.

Um outro estudo realizado no início do ano pela Universidade de Basileia, revelou que a utilização de smartphones durante a noite afeta qualidade do sono e aumenta os riscos depressivos em pessoas com menos de 17 anos. O estudo indicou que apenas 17% dos jovens portadores de um smartphone desliga ou coloca em silêncio o equipamento durante a noite.

A nível europeu, os jovens portugueses são dos que mais “abusam” do smartphone. Segundo a Net Children Go Mobile, 57% dos menores fazem um uso excessivo do smartphone. O valor supera a média europeia de 48% e entre os países abrangidos é apenas ultrapassado pelos 65% do Reino Unido.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.