A Apple está a fazer mudanças aos seus serviços para cumprir as obrigações do Regulamento dos Mercados Digitais (DMA) na União Europeia. As alterações, que já chegaram à versão Beta do iOS 17.4, estão a gerar polémica entre developers e, agora, há mais um motivo que alimenta esse descontentamento.

Ao longo das últimas semanas, vários developers notaram que o suporte a Progressive Web Apps (PWA) parece não estar incluído na versão Beta mais recente do iOS 17.4 para os utilizadores na União Europeia.

Developers como Maximiliano Firtman partiram para as redes sociais, como a X (antigo Twitter) para expressar o seu descontentamento em relação à situação que, à primeira vista, parecia tratar-se de um bug.

O suporte a aplicações web é uma funcionalidade que está presente no sistema operativo do iPhone desde 2008 e que tem vindo a evoluir ao longo do tempo. Através dela é possível adicionar websites ao ecrã inicial do iPhone, usando-as como aplicações web, numa funcionalidade que permite também receber notificações push.

Apple tem de mudar regras na Europa para loja de aplicações. Quais as alterações e porque estão a gerar polémica?
Apple tem de mudar regras na Europa para loja de aplicações. Quais as alterações e porque estão a gerar polémica?
Ver artigo

De acordo com outros relatos de developers na UE, a mais recente Beta do iOS 17.4, as mudanças não estão a implicar a “morte” das aplicações web no sistema operativo do iPhone, mas estão a causar complicações que dificultam o seu funcionamento, avança o website Apple Insider.

Para já, ainda não é claro se as alterações vão chegar ao sistema operativo neste “formato”, até porque a versão pública do iOS 17,4, que será disponibilizada para todos os utilizadores, está prevista apenas para março. Além disso, a Apple ainda não veio a público para comentar a situação.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.