A Samsung apresentou ontem o seu novo smartphone topo de gama, o Galaxy S III. Equipado com a mais recente versão do sistema operativo móvel da Google - o Android 4.0 ou Ice Cream Sandwich - e apontado como o principal concorrente do iPhone, tem chegada ao mercado europeu agendada para o final de maio. Portugal deverá receber o equipamento ainda este mês também, confirmou fonte da empresa ao TeK.

Enquanto esperamos pela disponibilização do equipamento, vale a pena ficar a conhecer algumas das suas características e passar em revista o design, que a Samsung afirma ter sido "concebido à medida do Homem" ("designed for humans").

O ecrã Super AMOLED HD (1280x720) de 4,8 polegadas domina totalmente o equipamento e apresenta dimensões acima da média, mas a fabricante garante que foi desenhado para se adaptar perfeitamente à mão humana. E não tem mais de 8,6 milímetros de espessura.

[caption][/caption]

Outra das características de que muito se falou durante a conferência que ontem decorreu em Londres foi o material de que é feito o dispositivo - disponível em branco ("marble white") e numa cor que descreveríamos como cinzento azulado ("pebble blue").

[caption][/caption]

Quando muitos esperavam cerâmica, a Samsung surpreendeu insistindo num telefone em plástico, que pesa 133 gramas. As opiniões variam, mas tem prevalecido a apreciação de que o aspeto não foi comprometido pela escolha. Nós preferimos esperar para avaliar, mas partilhamos as imagens entretanto disponibilizadas pela marca, que deixamos à consideração dos nossos leitores.

[caption][/caption]

Como avançámos ontem, a apresentação serviu para confirmar alguma das "suspeitas" dos últimos meses, nomeadamente no que respeita a características como a câmara (que sempre é de 8 megapixéis e não de 12, como se chegou a escrever), mas também para revelar novidades como a de reconhecimento do olhar do utilizador, apoiada na câmara frontal de 1,9 megapixéis.

[caption][/caption]

Segundo explicou a Samsung, esta funcionalidade faz com que o ecrã seja ativado ou colocado "em descanso" consoante o utilizador dirige o seu olhar para ele. Serve também para adaptar automaticamente o nível de luminosidade ao tipo de utilização: ler e-books ou navegar na Internet, por exemplo.

Outra das formas de "acordar" um Galaxy em modo de suspensão é simplesmente chamar por ele, dizendo "hi Galaxy" - para além deste, podem ser configurados mais quatro comandos para o mesmo efeito.

[caption][/caption]

A possibilidade fica a dever-se a uma "funcionalidade avançada de reconhecimento de voz", a que a fabricante chamou S Voice, "uma interface avançada que deteta os comandos de voz do utilizador de forma a compreender as suas falas e a responder às suas questões", nas palavras da Samsung.

Será possível solicitar informações meteorológicas, fazer chamadas, enviar emails, ativar a câmara fotográfica, iniciar a reprodução de músicas, ou ordenar ao despertador que toque dali a mais dez minutos, por exemplo. Tudo sem tocar no equipamento, promete a fabricante.

O Galaxy também ganhou um "assistente pessoal". Chama-se Smart-Alert e promete ajudar em tarefas como a recolha de todos os dados sobre chamadas perdidas e mensagens não lidas, apresentando um resumo quando o utilizador volta a pegar no telefone.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.