A Acer reduziu em cerca de 60% as suas previsões para o segmento dos tablets. A fabricante esperava colocar este ano no mercado, para venda, entre cinco a sete milhões de unidades, mas o número não deverá ultrapassar os três milhões.



A revisão das estimativas iniciais está relacionada com as fracas vendas registadas nos três primeiros meses de 2011, referiram os responsáveis da Acer em conferência de imprensa.



A empresa que, além de não ter atingido as suas previsões nos últimos três trimestres, perdeu o presidente-executivo Gianfranco Lanci em março, espera, no entanto , que o mercado recupere a partir do terceiro trimestre.



"O terceiro trimestre será consideravelmente mais estável. Será idêntico ao segundo ou melhor", referiu o presidente do conselho de administração da Acer, J.T. Wang, citado pela Reuters. "O quarto trimestre será ainda melhor", acrescentou.



A Acer espera vender 800 mil tablets no segundo trimestre, estimando volume idêntico para os três meses seguintes.




Nota de Redacção: Foram corrigidas duas gralhas no texto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.