A Tesla atualizou o sistema semi-autónomo Autopilot dos seus veículos elétricos para detetar pinos de sinalização na estrada. Agora, a função opcional de piloto automático permite ao automóvel alertar o condutor para os elementos que existem no percurso.

Tal como avança o portal Electrek, as notas da atualização de software dos veículos da Tesla indicam que quando a função Navigate on Autopilot está ativada, o automóvel poderá também planear, ou até mesmo iniciar, uma rota que evite os cones de sinalização. No entanto, a empresa alerta que os condutores devem ser responsáveis e manter-se atentos às condições da estrada.

A empresa liderada por Elon Musk ainda está na fase inicial da introdução da nova funcionalidade do sistema Autopilot, embora alguns condutores dos seus automóveis já a tenham posto em prática.

No entanto, nem todos os condutores que atualizaram o software do seu automóvel podem garantir que o sistema está totalmente funcional. Uma utilizadora deparou-se com algumas dificuldades no reconhecimento de pinos de sinalização em Itália, sendo que a rota sugerida pela função Navigate on Autopilot lhe indicava que deveria seguir para a faixa contrária.

Tesla já foram “chamados” mais de meio milhão de vezes pelos seus donos
Tesla já foram “chamados” mais de meio milhão de vezes pelos seus donos
Ver artigo

Recorde-se que no início de outubro, a Tesla tinha realizado uma atualização ao software que permitia aos condutores "chamar" os seus veículos estacionados. Apesar de nem sempre funcionar de forma bem-sucedida, a função "Smart Summon" foi ativada 550 mil vezes nos primeiros dias de disponibilização.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.