A atualização de software foi feita na semana passada e parece estar a ser um sucesso… e um desastre ao mesmo tempo. Relativamente à primeira afirmação, foi o próprio Elon Musk, como já é habitual, a anunciar a novidade.

O empreendedor sul-africano partilhou no Twitter que a funcionalidade Smart Summon foi ativada mais de 550 mil vezes nos primeiros dias.

De acordo com as diretrizes da fabricante automóvel, os proprietários só devem usar a função – que é ativada carregando num botão da app da Tesla – se estiverem a menos de 200 pés (cerca de 60 metros) do veículo. Mas como é do conhecimento geral, nem sempre o bom senso impera entre os utilizadores…

Não se sabe se por incumprimento por parte dos donos ou de outros condutores ou porque se passa realmente algo de errado com o software, nos últimos dias a internet também foi invadida por publicações que dão conta de acidentes sob o novo comando, seja "dentro de casa" ou em parques de estacionamento públicos.

Entretanto, a entidade que supervisiona a área dos transportes e mobilidade nos Estados Unidos, a National Highway Traffic Safety Administration, referiu à Reuters que está investigar as diferentes situações que têm sido partilhadas e que não hesitará em agir “se encontrar evidências da existência de defeitos relacionados com a segurança”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.