É o supercomputador mais rápido da China e foi apresentado esta quinta-feira em Changsha, centro da China, pela Universidade Nacional de Tecnologia da Defesa, que o desenvolveu.

"Tianhe", que traduzido para português significa Via Láctea, teoricamente pode efectuar mais de 1.000 biliões de cálculos por segundo (um petaflop), "realizando em apenas um dia o que um vulgar computador demoraria 160 anos a fazer", refere a Lusa, citando os responsáveis pelo projecto.

O sistema ocupa uma área de 1.000 metros quadrados e pesa 155 toneladas e foi desenvolvido para processar dados de actividade sísmica destinados à exploração petrolífera, computação bio-médicas e desenho de naves espaciais.

No máximo da sua velocidade, o novo supercomputador chinês atinge 1,2 petaflopes, o quarto tempo mais rápido do mundo.

A informação sobre o Tianhe foi já submetida à lista dos "500 computadores mais rápidos" do mundo, compilada por várias universidades ocidentais, e a sua classificação deverá ser divulgada em Novembro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.