Seja para aplicar em áreas da saúde, engenharia, entretenimento ou pilotagem de drones, a Epson atualizou o seu sistema de óculos de realidade aumentada Moverio com o modelo BT-35E, que apresenta novas funcionalidades de utilização.

O novo equipamento pretende responder ao feedback dos seus clientes e pode ser utilizado com o hardware já existente, através de ligações HDMI ou USB-C, com a fabricante a prometer uma latência mínima, próxima do zero. O objetivo da sua construção ergonómica é possibilitar uma utilização por períodos mais prolongados sem o habitual desconforto.

Os smartglasses da Epson são transparentes, assentes na tecnologia Si-OLED e oferecem uma liberdade de utilização de mãos-livres. Será possível utilizar os Moverio como um ecrã transparente e consultar a informação debitada pelos dispositivos interligados. Nas características apresentadas, o novo modelo BT-35E apresenta uma resolução máxima de 720p, sensores incorporados, uma câmara de 5MP, sistema de giroscópio, acelerómetro, bússola e sensor de luz ambiente.

A Epson listou algumas das utilizações possíveis para o dispositivo, como por exemplo, no sector da saúde, os médicos podem utilizar os óculos como ecrãs principais ou secundários, mantendo o foco no paciente e trabalhar numa postura natural, sem a necessidade de consultar um monitor adicional. Na área da engenharia será possível realizar tarefas e assistências de forma remota. Por outro lado, na habitual área do entretenimento é possível tornar a experiência mais envolvente dos visitantes a parques temáticos ou museus. Outro exemplo é a compatibilidade com diversos drones, como o DJI Phantom 4 Pro para ajudar na sua navegação.

Os óculos Epson Moverio BT-35E chegam ao mercado no próximo mês de julho.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.