A especialista em cibersegurança ESET está a alertar os utilizadores de internet para um esquema fraudulento que tem vindo a crescer ultimamente, com o objetivo de extorquir dinheiro às vítimas.

Esta nova vaga do chamado sextortion (chantagem usando pretextos relacionados com sexo) consiste no envio, por parte dos hackers, de mensagens de email a utilizadores que alegadamente assistem com frequência a vídeos de pornografia online. Na mensagem, indicam à vítima que têm o seu dispositivo sob controlo e que o seu comportamento enquanto assistia ao vídeo foi gravado através da webcam.

Sextortion: Hackers conseguiram roubar quase meio milhão de dólares com esquema das passwords
Sextortion: Hackers conseguiram roubar quase meio milhão de dólares com esquema das passwords
Ver artigo

A vítima é então ameaçada de que se não efetuar um pagamento nas 48 horas seguintes à abertura da mensagem (num valor que normalmente ronda os 1.800 euros, embora já tenham sido detetadas quantias diferentes), será enviado o vídeo contendo a sua gravação para todos os contatos (que, supostamente, teriam sido roubados do dispositivo que o hacker diz ter sob controlo).

A ESET esclarece que este golpe não é mais do que uma tentativa de extorsão, sendo que os hackers não têm, na realidade, qualquer vídeo da vítima. A especialista detetou a prática do golpe em países como Estados Unidos, Austrália, Alemanha, França, Reino Unido, Espanha, República Checa e Rússia.

Há um novo esquema de “sextortion” a espreitar os seus emails
Há um novo esquema de “sextortion” a espreitar os seus emails
Ver artigo

A especialista em cibersegurança apresenta algumas recomendações aos utilizadores que forem vítimas deste esquema, avisando para não responder ao golpe, não fazer download dos anexos, não clicar em linhas embebidas no e-mail, e claro, não enviar dinheiro ao criminoso em causa. A ESET sugere também a colocação de fita adesiva sobre as lentes da webcam, de modo evitar o uso indevido da webcam embutida.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.