A equipa de Formula Student, do Instituto Super Técnico, apresentou o seu novo carro de competição, o nono construído pelos estudantes destinado à participação na maior competição mundial para alunos de engenharia. O FST 09e é um protótipo totalmente elétrico e 100% português, tendo contado com o apoio da Novabase para a sua construção.

A equipa explicou ao SAPO TEK que os principais desafios na conceção deste novo projeto estão ligados à interação forte entre o tempo e a inovação. Embora a “equipa esteja sempre cheia de vontade de melhorar todos os aspetos do carro, ao mais ínfimo detalhe, o tempo nunca é suficiente para tudo”, explica o porta-voz da equipa do IST. No entanto, ressalva que o importante é ter em conta que a equipa tem menos de um ano para desenhar, construir e testar o carro, exigindo um grande nível de organização. E isto em paralelo ao percurso académico dos estudantes.

Em termos de objetivos para o protótipo, para além de competir, serve de plataforma de aprendizagem. “A Formula Student foi criada e é mantida com o objetivo de incentivar o conceito de aprender ao a fazer”, o que segundo a equipa ajuda a aproximar o nível de experiência académica ao que é comum no profissional. Nunca houve objetivos ligados à comercialização do veículo.

Com o seu nono carro pronto, e a uma média de um protótipo por ano, o primeiro carro elétrico feito pela equipa surgiu em 2010, visto que a competição apela muito à inovação, incentivando o uso de novas tecnologias. Em 2011 a equipa construiu o seu próprio protótipo elétrico, o FST 04e, dando início à parceria com a Novabase, que se mantém até hoje.

O FST 09e tem uma autonomia de 22 quilómetros, ideal para a maior prova de competição entre alunos. O veículo elétrico tem tração às quatro rodas, sistema de redução de drag, distribuição independente de torque por cada roda e chassis monocoque em fibra de carbono. O veículo consegue atingir uma velocidade de 107 KM/h e para competir, os alunos são obrigatoriamente os pilotos dos carros, segundo o regulamento. A equipa é composta por quatro a seis pilotos, selecionados através de pequenas provas de karts realizadas no início do ano e mais tarde treinados com o próprio veículo num ambiente controlado, como foi explicado ao SAPO TEK.

Questionados sobre a razão pela qual utilizam um automóvel como elemento de aprendizagem prática, este é um elemento comum entre todos os membros da equipa, que de uma forma ou outra, se traduz na paixão pelo mundo motorizado, que os aproxima e motiva. E relativamente ao destino dos modelos anteriores, presentemente apenas o FST08e permanece operacional, já que ainda é utilizado como treinos dos pilotos e das baterias de teste quando necessário. “Os restantes protótipos são apenas para exposição e não têm todas as condições para andar devido a alguns componentes terem sido reaproveitados para os modelos seguintes". A equipa refere que a “reciclagem” é necessária devido a limitações de orçamento e recursos registados até ao modelo FST08e, levando os elementos a pouparem onde podiam.

Apesar dos projetos conseguirem funcionar de forma mais sustentável, a nível de competição ainda não é possível cobrir os custos da equipa, sendo os mesmos a financiar a época de competições, entre as viagens, estadia e alimentação.

Relativamente ao apoio da Novabase, a parceria já decorre há vários anos e tem como objetivo da empresa a aproximação à Academia, o que tem oferecido benefícios claros na captação de talento jovem. “Para além de colocar os alunos a trabalhar num ambiente altamente competitivo, em que se exige o desenvolvimento de soluções de elevada complexidade, existe também um forte trabalho de equipa e uma coordenação eficaz das competências multidisciplinares, condições em que muito replicam a inovação em contexto empresarial”, destaca o porta-voz da empresa em declarações ao SAPO TEK. A empresa destaca que nesta parceria todos saem a ganhar, tanto a Novabase, os alunos e a própria IST.

tek IST

A parceria entre a Novabase e o IST permitiu a empresa contratar várias centenas de jovens engenheiros formados na instituição, e que estão sempre “debaixo de olho”. Mas a empresa considera que os alunos sabem que na Novabase vão ser reconhecidos e valorizados, ganhando acesso a uma das indústrias de maior crescimento, para além da integração de equipas multidisciplinares em projetos e desafios inovadores e com dimensão internacional.

Este ano a equipa portuguesa irá representar o IST em três das mais importantes competições do ranking mundial de Formula Student: FS East, no circuito Zalaegerszeg (Hungria), FS Germany, no circuito de Hockenheimring (Alemanha), e FS Spain, no circuito da Catalunha (Espanha). As competições terão lugar entre 17 a 21 de julho, 5 a 11 de agosto, e 20 a 25 de agosto, respetivamente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.