O Ministério da Justiça está a reforçar a segurança do acesso ao sistema informático dos tribunais com a implementação de um conjunto de medidas, do qual faz parte a utilização de  smartcards como sistema de autenticação para os oficiais de justiça. O objetivo é “aumentar os níveis de segurança”.

O Governo garante que o desenvolvimento destes cartões é recente, segundo declarações à TSF, e "obriga não só a que exista o cartão, como também ao desenvolvimento, implementação e disseminação do sistema de leitura" pelos tribunais.

A existência destes cartões inteligentes soma-se às tradicionais passwords, ou seja, leva a que o "acesso pelos funcionários de Justiça passe a obrigar a uma dupla autenticação, aumentando o nível de segurança de acesso ao sistema".

Os sindicatos do sector admitem que as novas medidas em implementação podem ser em reação ao caso “E-toupeira”, em que funcionários judiciais são suspeitos de terem passado informação de processos para o exterior.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.