As vendas mundiais de microprocessadores cresceram 10 por cento no segundo trimestre de 2009, face aos três primeiros meses, segundo a IDC, que aponta igualmente um aumento de oito por cento para as receitas desde o início do ano.

Na comparação com o segundo trimestre de 2008, o mercado apresentou uma queda de sete por cento em unidades vendidas e de 15 por cento em receita.

Os crescimentos registados entre os últimos trimestres são justificados pela procura por parte das fabricantes de netbooks, que estão a repor os seus stocks após as compras do primeiro trimestre, refere a consultora. Apesar de positivos, os valores ainda não servem para mostrar uma recuperação do mercado, acrescenta.

No que diz respeito às fabricantes, a Intel viu crescer o número de unidades vendidas em 12,5 por cento, em que os Atom para netbooks representaram um papel importante.

A rival AMD registou um crescimento de dois por cento em comparação com os primeiros três meses do ano.

A quota de mercado das duas concorrentes não sofreu grandes alterações, com a Intel a contar actualmente com 79 por cento do mercado mundial de microprocessadores e a AMD 20 por cento.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.