A Asus tem vindo a apostar em vários modelos de utilização dos computadores portáteis e a tendência dos ecrãs dobráveis está na lista de inovação, com o Zenbook 17 Fold OLED (UX9702) que vai chegar à Europa este ano. O Zenbook 17 Fold OLED é apontado como o primeiro portátil com ecrã dobrável no mercado e foi apresentado este ano na CES, tendo já passado em Lisboa onde o SAPO TEK teve oportunidade de ver o computador no NOS Alive, antecipando o lançamento na IFA.

Veja as imagens do novo Zenbook 17 Fold na apresentação em Portugal

Hoje o novo portátil da Asus é a estrela na apresentação da marca na maior feira de tecnologia da Europa, que este ano decorre de 3 a 6 de setembro mas com dias dedicados à imprensa. A conferência está a decorrer e pode ser acompanhada online.

Rex Lee, ASUS APAC General Manager, destacou na apresentação a inovação do novo portátil e a capacidade da marca de ultrapassar os vários desafios para criar um portátil dobrável, transformando o conceito num produto real.

O desenvolvimento foi feito em parceria com a Intel, e Josh Newman, VP e GM de Mobile Innovation na Intel, explicou como as duas empresas trabalharam em conjunto na plataforma EVO e como colaboraram com outros parceiros para fazer do Zenbook 17 Fold um portátil preparado para a produtividade e entretenimento.

Esta é já a quarta geração de um formato que se distingue por ter um ecrã contínuo que ocupa toda a área do teclado. A primeira versão foi apresentada na Computex,  mas a Asus optou por não lançar o equipamento, continuando a apurar o design e funcionalidades.

O Zenbook 17 Fold OLED está agora pronto para chegar ao mercado europeu e a Asus diz que o portátil vai estar nas lojas "no final de 2022".

O portátil conta com um ecrã de 17,3 polegadas OLED dobrável, com resolução de 2560 x 1920 em formato 4:3, que se transforma num modo mais compacto com 12,5 polegadas, semelhante a um portátil mais pequeno. Por dentro conta com Windows 11 Pro, processador de 12ª geração Intel com Core i7, gráficos Iris X, bateria de 75 Wh e carregamento por USB-C, 2 portas Thunderbolt 4 e Wi-Fi 6. Tem 1,5 kg de peso e espessura de 8,7 mm.

Durante a apresentação a Asus revelou mais detalhes da engenharia que está por detrás do ecrã OLED dobrável, e a necessidade de desenvolver uma nova forma de dobradiça, em conjunto com o fabricante do display, mas que tem toda a garantia de durabilidade, segundo a empresa.

Asus detalhes Zenbook

Druante a apresentação foi também revelado que o novo portátil vai estar disponível este ano em todo o mundo, e que o preço parte dos 3.499 dólares. O SAPO TEK sabe que para Portugal o valor foi fixado nos 3.999 euros.

Preço do novo portátil da Asus

Versatilidade de um ecrã que se dobra

A principal novidade está no ecrã OLED tem 17,3 polegadas quando está totalmente aberto, e pode resistir a 30 mil movimentos de abertura e fecho. O equipamento ser utilizado na vertical ou horizontal para ver vídeos, por exemplo. Os utilizadores podem ativar um teclado virtual ou optar por encaixar um teclado físico na base do ecrã, transformando-o quase num portátil convencional.

versatilidade é uma das prioridades, com a transformação em tablet, tirando partido do ecrã que pode ser transformado num monitor de 17 polegadas ou num livro digital, mas a Asus assume que a função primária é ser usado como um portátil convencional, com teclado digital ou físico.

software suporta a utilização do ecrã na horizontal e na vertical, uma tendência cada vez mais vista nos monitores convencionais. No modo portátil pode também ativar um teclado virtual e usar em videoconferências, por exemplo, ou outros trabalhos de produtividade. Neste modo, o ecrã útil é de 12,5 polegadas, com resolução de 1920x1280, permitindo colocar o teclado físico encaixado na base da área do ecrã inferior.

Segundo a Asus, o ecrã OLED dobrável tem validação PANTONE, assim como certificação TÜV Rheinland para reduzir os efeitos de luz nociva aos olhos. Dispõe ainda uma gama de cores 100% DCI-P3, Dolby Vision HDR, Dolby Atmos e colunas Harman Kardon.

Veja as imagens oficiais do portátil 

O desenvolvimento foi feito em parceria com a Intel e tem os requisitos da plataforma Intel Evo. O processador utilizado é um i7 de 12ª geração, com gráficos da plataforma Intel Iris Xe. Como conetividade inclui duas portas USB-C com Thunderbolt 4, suportando carregamento rápido de bateria de 75 Wh ou ligações a ecrãs externos. O teclado tem um sistema ErgoSense Bluetooth, funcionando igualmente com touchpad, colocado na parte inferior da sua base.

Nota da redação: A notícia foi atualizada durante a conferência que o SAPO TEK esteve a acompanhar. Última atualização 13h22

O SAPO TEK está a acompanhar todas as novidades da IFA 2022 que este ano se realiza em Berlim de 2 a 6 de setembro, mas com várias conferências e dias reservados à imprensa que antecipam os lançamentos das principais marcas. Acompanhe tudo através do Especial IFA 2022

Clique nas imagens para mais detalhes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.