A Microsoft está a desenvolver uma nova ferramenta que dará aos seus utilizadores o poder e controlo sobre os dados pessoais que são recolhidos sobre si. O projeto é internamente conhecido como Bali.

De acordo com a imprensa internacional, o sistema está a ser testado por um grupo restrito de utilizadores.

Quer mais privacidade? Em vez de se esconder "desapareça" do radar
Quer mais privacidade? Em vez de se esconder "desapareça" do radar
Ver artigo

O Bali está a ser criado com base no conceito de privacidade inversa. A expressão é utilizada para referir o conjunto de dados que determinada empresa tem sobre um utilizador, mas que este não tem sobre si próprio. O objetivo desta ferramenta é reduzir esse tipo de informação ao mínimo.

O Bali vai funcionar como uma espécie de banco de dados que vai alojar todos os dados gerados pela utilização comum dos serviços e páginas que o utilizador frequenta. Esta informação vai ser visível e pode ser gerida livremente pelo utilizador. Uma das opções que está em cima da mesa contempla a monetização desses mesmos dados, com o dinheiro gerado a reverter a favor do utilizador.

Já existe uma página onde os utilizadores podem requerer a participação no projeto, enquanto avaliadores. Para aceder, siga este link.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.