A Universidade de Aveiro assinala hoje a entrada em funcionamento do "certificado permanente de habilitações no ensino superior", que vem dar aos alunos a possibilidade de optarem por solicitar a emissão do documento online ao invés do habitual papel.

A medida faz parte do Simplex 2010 e dispensa, actuais e ex-alunos, de se deslocarem à universidade para pedirem e levantarem o seu certificado, bem como de se deslocarem a advogados, notários, solicitadores ou estações dos CTT para obterem cópias autenticadas.

Com o novo modelo, a requisição é feita através da Internet - no site da Universidade - e o documento, que fica disponível online, é automática e permanentemente actualizado.

O aluno recebe também um código de acesso e "sempre que necessitar de comprovar as habilitações universitárias perante qualquer entidade pública ou privada, bastará entregar este código, que o dispensa de entregar aquela certidão em formato de papel", explica o Gabinete do Ministro da Presidência.

A emissão online é mais barata e permite acessos ilimitados pelo período de um ano.

Estima-se que com o novo sistema deixem de ser emitidos em papel cerca de 40.000 certificados de habilitações, na Universidade de Aveiro. Na Faculdade de Ciências do Desporto da Universidade de Coimbra - a primeira a implementar a medida, a 1 de Abril - as previsões apontam para menos 3.000 certificados por ano.

A Universidade de Coimbra já avançou que vai estender a possibilidade às restantes faculdades até ao final do primeiro semestre de 2011 e o compromisso de adoptar a medida foi assumido também por outras universidades do país, como as do Porto e Lisboa.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.