De acordo com número da Associação Portuguesa para o Controlo de Tiragem e Circulação, revelados pelo jornal Público, em média cada jornal conseguiu captar mensalmente 11,7 mil assinantes para o serviço de conteúdos digitais.



O Público foi o diário com melhor performance nos primeiros 10 meses do ano, conseguindo captar 62% dos assinantes contabilizados pela APCT ou uma média de 7.241 leitores. O número que representa um crescimento de 84% face ao mesmo período do ano anterior, mas mesmo ao longo de 2014 a tendência de crescimento continuou. Desde o início do ano, a assinatura digital do jornal ganhou clientes e passou dos 7.241 subscritores em janeiro para 9.736 em outubro.



Com um menor número de assinaturas digitais vendidas, mas com um crescimento mais expressivo, destaque para o Jornal de Notícias que no mesmo período conseguiu aumentar o número de subscritores da edição digital em 215%, para 3.127 assinantes. O Diário de Notícias também se destaca, com um crescimento de 173%, para 1.224 assinantes. O i e o Correio da Manhã, também visados na análise contam com um número residual de assinantes online.



Os números relativos às vendas em papel continuam a diminuir. Os cinco diário analisados venderam entre janeiro e outubro uma média de 211.414 jornais por dia, menos 8% que em igual período do ano anterior. Só o Correio da Manhã foi responsável pela venda de 111.865 exemplares diariamente.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.