O entusiasmo dos portugueses pelas redes sociais tem vindo a ser mostrado por vários estudos e métricas, mas agora uma análise da Marktest mostra a média de tempo passado pelos internautas portugueses nestes sites. Segundo o estudo Os Portugueses e as Redes Sociais, os utilizadores passam em média 88 minutos por dia nas redes sociais, sendo o período mais ativo o pós-laboral.

O inquérito realizado pela empresa de estudos de mercado questionava os utilizadores quanto ao tempo médio dedicado a sites de redes sociais, indicando 39% dos entrevistados que navegam nestas redes até 30 minutos por dia, enquanto 25% dizem dedicar-lhes entre 30 minutos a uma hora por dia. Por outro lado, 36% confessam passar nas redes sociais mais de uma hora por dia.

Por média de idades são os jovens entre os 15 e os 24 anos que gastam mais tempo nestes sites, cerca de 116 minutos, enquanto os indivíduos entre os 25 e os 44 anos revelam estar nas redes sociais cerca de 62 minutos por dia, em média.

As mulheres dedicam mais tempo por dia a estes sites, 92 minutos em média, enquanto os homens passam online 82 minutos do seu dia.

Já na análise por regiões é no interior Norte que o tempo gasto nas redes sociais é maior, 102 minutos, enquanto na região sul os internautas estão menos tempo nestes sites.

[caption]Nome imagem[/caption]

O horário pós-laboral é preferido pela maioria dos utilizadores para as atividades nas redes sociais, segundo indicação de 54,7% dos inquiridos. Mais de 46% admitem rever os comentários dos amigos antes de ir para a cama, enquanto 20,8% usam os intervalos no trabalho ou na escola para o fazerem.

Segundo a Marktest, 15,1% dos entrevistados admitem ainda consultar as redes sociais logo que acordam, um dado que está em sintonia com um estudo recente da Cisco sobre utilização de smartphones pela Geração Y.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.