Esta segunda-feira Wall Street foi muito “generosa” com algumas das figuras mais ricas do planeta, engordando ainda mais as suas contas. Só Jeff Bezos amealhou num único dia qualquer coisa como 13 mil milhões de dólares, não só marcando a maior subida de sempre de uma fortuna dos “bilionários”, como afirmou, em forma de recorde, a sua posição do homem mais rico do mundo. Tudo isto porque na segunda-feira a Amazon fechou o dia com uma valorização de 8%.

No mesmo dia, também a fortuna de Elon Musk aumentou, sendo avaliada em mais de 74 mil milhões de dólares, tornando-o no quinto mais rico do mundo, segundo a Forbes. Isto deveu-se à valorização da Tesla em 9,5%, com as suas ações a valerem 1.643 dólares. Contas feitas, a empresa cresceu 60% em apenas três semanas e cerca de 300% durante 2020. A Tesla é atualmente a fabricante de automóveis mais valiosa, em cerca de 304,5 mil milhões de dólares, e que segundo a publicação, vale mais que a Ford, Ferrari, BMW e General Motors juntas.

Impressionante é o crescimento da fortuna pessoal de Elon Musk, mesmo em tempos de pandemia de COVID-19 que assola o mundo. Em meados de março, a sua fortuna era “apenas” de 25 mil milhões de dólares, o que colocava o magnata em 31º no clube dos mais ricos. Desde então a sua conta bancária triplicou, ultrapassando nomes como Warren Buffet e Michael Bloomberg até ao quinto posto.

De recordar que Elon Musk foi contra as medidas de isolamento nos Estados Unidos, referindo que o fecho das fábricas e a produção de carros seria um risco sério para o negócio. Chegou mesmo a enfrentar as autoridades de saúde, abrindo a sua fábrica de Fremont, na Califórnia. Essa postura permitiu-lhe entregar mais de 90 mil carros aos seus clientes, superando em muito as previsões de distribuição de 20 mil veículos.

Não fugindo às habituais polémicas, Elon Musk chegou a comentar o crescimento meteórico da Tesla, postando na sua conta do Twitter que a empresa estava sobrevalorizada.

Também a SpaceX está bem cotada, sobretudo depois do teste tripulado bem-sucedido da Crew Dragon, que colocou astronautas na ISS. A empresa vale agora cerca de 36 mil milhões de dólares.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.