Em fevereiro do ano passado, a Google fechou o seu estúdio interno de videojogos para o serviço Google Stadia, passando a focar-se em trazer novos títulos de estúdios terceiros para a plataforma. No entanto, o sucesso do serviço parece ter ficado aquém das expetativas da gigante de Mountain View, que está agora em busca de uma nova forma de “salvar” o projeto.

De acordo com fontes com conhecimento na matéria, o website Business Insider avança que a Google pretende realizar parcerias com outras empresas, como a Capcom, Bungie ou até Peloton, para integrar a sua tecnologia de streaming, passando a apresentar o projeto sob um novo nome: Google Stream.

Por outro lado, a plataforma Stadia passou a ter menos prioridade para a Google, com a empresa a manifestar menos interesse em negociar a chegada de grandes títulos de estúdios terceiros ao serviço.

Ainda no ano passado, a Google terá entrado em negociações com a Peloton, conhecida pelos seus equipamentos de fitness com ligação à Internet que permitem aos utilizadores participar em aulas através de streaming, para disponibilizar jogos concebidos para as bicicletas da empresa.

Sony compra novo estúdio de videojogos. Tecnológica paga 3,6 mil milhões de dólares pela Bungie
Sony compra novo estúdio de videojogos. Tecnológica paga 3,6 mil milhões de dólares pela Bungie
Ver artigo

A Google terá também apresentado a sua tecnologia à Bungie, o estúdio de videojogos comprado pela Sony ainda no início de fevereiro, que estava a explorar a ideia de lançar a sua própria plataforma de streaming. Ao que tudo indica, as negociações terão avançado consideravelmente, no entanto, ainda se desconhece o impacto da aquisição da Sony nos planos.

Já no caso da Capcom, a Google terá apresentado uma proposta “alimentada” pela sua tecnologia de streaming que daria aos utilizadores do website da gigante dos videojogos a possibilidade de jogarem demos de novos títulos, num projeto semelhante ao que implementou recentemente em parceria com a AT&T e o jogo Batman: Arkham Knight nos Estados Unidos.

Em declarações ao website Patrick Seybold, porta-voz da Google, afirma que a empresa anunciou anteriormente as suas intenções em ajudar editoras e parceiros a disponibilizar jogos diretamente aos gamers e que continua a trabalhar nesse objetivo.

“Embora não comentemos quaisquer rumores ou especulação relativamente a outros parceiros da indústria, estamos focados em trazer grandes jogos para o Stadia em 2022”, realça o porta-voz, indicando que serão adicionados mais 100 títulos à plataforma ao longo deste ano.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.