A atual CEO da empresa, Meg Whitman, vai liderar uma nova companhia, dedicada às infraestruturas, software e serviços para o mercado empresarial, que atualmente constituem os domínios mais valiosos da empresa. Esta nova organização vai operar com a designação Hewlett-Packard Enterprise, explica a empresa em comunicado.



Dentro da atual HP (que vai designar-se HP Inc) ficam as áreas de computação pessoal e impressão. A companhia passa a ser liderada por Dion Weisler, que hoje já dirige as unidades de negócio relativas aos negócios de PCs e impressão na fabricante norte-americana.


A HP também reviu a projeção de despedimentos no plano de redução de pessoal que se estende até 2015. À lista de 45 mil a 50 mil funcionários que a empresa pretendia despedir, vão juntar-se mais 5 mil. A previsão de despedimentos sobe agora para 55 mil, até final do próximo ano, confirmou a empresa ao TeK.



Nos últimos anos a HP tem levado a cabo uma profunda reestruturação, que progressivamente tem levado ao desinvestimento do grupo em áreas como a computação pessoal, em favor de áreas mais lucrativos, como a dos serviços empresariais.

Nota de redação: A notícia foi atualizada com informação fornecida pela HP.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.