O encontro é secreto e como tal a agenda não devia sequer circular na imprensa, mas o Huffington Post alegadamente teve acesso a um email dirigido a um dos convidados (o editor de uma revista conservadora, onde constava essa informação).

Na reunião estiveram os líderes de algumas das maiores empresas de tecnologia do planeta, como Tim Cook, presidente da Apple, Larry Page, cofundador da Google ou Elon Musk, CEO da Tesla Motors.

A iniciativa foi promovida pelo American Enterprise Institute, que além dos presidentes de várias tecnológicas junta neste encontro anual conhecido por World Forum figuras de destaque noutras áreas, como a política.

Tendo em conta as posições conhecidas de vários convidados no encontro sobre a candidatura de Trump e as opiniões deste sobre temas que envolvem o sector, acredita-se que o debate foi centrado nas preocupações destes líderes com o sucesso do candidato norte-americano nas eleições estaduais.

Elon Musk é um dos gestores que já assumiu abertamente a esperança de que Trump não se assumisse como candidato republicano na corrida à Casa Branca, numa entrevista concedida em outubro à Vanity Fair. Tim Cook também dificilmente estará ao lado de Trump, tendo em conta as posições já conhecidas do candidato sobre a Apple. A mais polémica será a convicção de que a empresa devia ser obrigada a fabricar os seus produtos nos Estados Unidos.  

 

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.