As assinaturas recolhidas vão integrar um documento que será entregue ao Governo brasileiro e que tentará pressionar o poder político a mudar de ideias e conceder asilo político ao ex-agente da NSA. A hipótese já esteve em cima da mesa mas o executivo liderado por Dilma Rousseff decidiu recusar a possibilidade.



Snowden tinha-se proposto ajudar a Brasil a descobrir até onde iam as investigações da Agência Nacional de Segurança norte-americana em troca de asilo, um negócio que o Brasil não quis aceitar.



"Edward Snowden desistiu de tudo para trazer à luz a operação de mega espionagem feita pelos EUA contra o Brasil e o restante do mundo inteiro", diz o documento. "O Brasil, um dos principais alvos da espionagem, deveria oferecer abrigo a alguém que nos abriu os olhos para a vigilância norte-americana indiscriminada e em escala global", continua o texto da petição, que esta manhã somava 1.070 mil assinaturas e que termina com um pedido bastante claro: "É hora de oferecer a Edward Snowden asilo imediato no Brasil".



O objetivo inicial da petição seria o de angariar 10 mil assinaturas, uma meta que entretanto foi revista para um milhão e que agora passa para 1,25 milhões.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.