A Samsung, a Royal Philips Electronics NV, a Infineon Technologies e a Renesas Technology estão entre as empresas que foram notificadas pela União Europeia a respeito da investigação que está a ser feita por suspeita de combinação de preços no mercado dos cartões com chips inteligentes.

A Bloomberg recebeu a confirmação das quatro tecnológicas em como tomaram conhecimento do relatório de 90 páginas onde a UE expõe as preocupações e os pontos que sustentam esta investigação anticoncorrencial. O nome das fabricantes era um dos fatores que faltava no comunicado revelado ontem pela entidade europeia e que o TeK deu conta.

Segundo as informações apuradas, a investigação abrangia ainda a STMicroelectronics e a NXP Semiconductor mas estas fabricantes já confirmaram que não receberam a notificação da investigação da UE.

O caso começou em 2008 quando as autoridades da UE realizaram buscas nas instalações das diversas fabricantes à procura de provas em como o preço dos smart chips manteve-se elevado por acordo estabelecido entre os diversos concorrentes do mercado.

Agora que a União Europeia já enviou a declaração de objeções aos visados na investigação, as empresas têm a oportunidade de analisarem e rebaterem os argumentos expostos a fim de tentarem evitar uma multa por parte dos reguladores. Em caso de acusação e confirmação da existência de um cartel dos chips inteligentes, as coimas podem chegar até 10% das receitas mundiais de cada empresa.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.