Já o tinha admitido e ontem concretizou-o. A Samsung está disposta a desembolsar 5,9 mil milhões de dólares (pouco mais de 4 mil milhões de euros) para garantir o controlo da fabricante de memórias flash SanDisk. A intenção do negócio é a da reforçar a presença no mercado de memórias flash, garantindo a liderança, e poupar os cerca de 350 milhões de dólares que a empresa paga por ano em licenças à SanDisk.

A empresa visada pela proposta comentou de imediato a oferta, considerando que o valor proposta feita pela Samsung é baixo. A administração da SanDisk não descarta no entanto a análise de uma nova oferta, com um novo preço.

Citada pela imprensa internacional, a Samsung revela que ainda não decidiu se irá ou não aumentar a oferta inicial. Seja qual for a decisão da empresa coreana, a oferta lançada à SanDisk já é o maior negócio da sua história, pelo menos em intenção, já que a empresa tem seguido uma estratégia de crescimento orgânico, passando ao lado das fusões e aquisições.

Notícias Relacionadas:
05-09-2008 - Samsung pondera compra da SanDisk

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.