A acção de recurso interposta pela France Telecom para evitar a multa aplicada pelo Conselho da Concorrência do seu país não produziu alterações à decisão.



A deliberação da concorrência obrigava o incumbente francês ao pagamento de uma multa de 80 milhões de euros por abuso de posição dominante, resultando de uma queixa apresentada em 1999 pela concorrente Neuf.



A empresa acusava a France Telecom de tentar impedir a entrada dos concorrentes no mercado de banda larga ADSL, através de políticas anti-concorrenciais.



O tribunal de recurso confirma a decisão do órgão regulador e volta a considerar a actuação do incumbente extremamente grave, admitindo que esta terá causado danos importantes às suas rivais entre 1998 e 2002.

Notícias Relacionadas:

2004-05-12 - France Telecom e Governo francês na mira da Comissão Europeia
2003-07-16 - Wanadoo multada por abuso de posição dominante na Internet de banda larga

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.