O observatório europeu deu hoje conta que já existem serviços comerciais de tecnologia 5G em todos os Estados-membros da União Europeia. No último relatório Portugal e a Lituânia eram os dois países "em falta" para que toda a UE tivesse já serviços disponíveis, ainda que de cobertura limitada.

Em Portugal, depois do final do longo leilão para as licenças 5G, a NOS foi a primeira operadora a avançar com os serviços, seguindo-se a Vodafone e a MEO. Na Lituânia o lançamento foi anunciado em janeiro pela Telia, que está a usar a banda dos 2,1 GHz.

Segundo os dados, o número de operadores que já estão a fornecer serviços comerciais de 5G continua a aumentar, com a Epic em Malta a avançar com os seus serviços, tal como a Telnet na Bélgica, ainda com uma licença temporária.

O relatório que foi publicado pelo Observatório do 5G aponta porém uma preocupação em relação à cobertura das novas redes, referindo que um rollout centrado nas cidades pode aumentar o fosso digital, entre os que têm acesso a banda larga de alta velocidade e os que ainda têm de recorrer a serviços mais lentos.

5G: Retrato europeu é fragmentado. 52,7% do espectro na Europa está atribuído mas serviços chegam a poucos utilizadores
5G: Retrato europeu é fragmentado. 52,7% do espectro na Europa está atribuído mas serviços chegam a poucos utilizadores
Ver artigo

No mesmo relatório indica-se que, se os operadores móveis quiserem atingir velocidades significativamente mais altas do que as do 4G, precisam de avançar com serviços de 5G nas bandas de 3,4 a 3,8 GHz, o que não é economicamente viável nas zonas rurais, onde seriam necessárias muitas estações base para cobrir o território..

Por isso os operadores vão provavelmente recorrer a frequências mais baixas, como as bandas dos 700 MHz, onde não é possível ter os mesmos ganhos de maior velocidade e menor latência do 5G.

Bulgária, Lituânica, Croácia, Eslováquia, Roménia e Hungria podem ser mais afetados porque têm uma taxa de população rural mais elevada. Só na Roménia mais de 10 milhões de pessoas podem ficar de fora desta mudança que é disponibilizada nas zonas urbanas.

Recorde-se que em Portugal o leilão para atribuição das licenças estabeleceu obrigações de cobertura de 5G também para as zonas rurais.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.