A multa aplicada pelas autoridades coreanas da privacidade é de 211 milhões de won, o equivalente a 144 mil euros, um valor que fica acima do legalmente previsto para este tipo de infração - ultrapassa o teto de 1% sobre o valor da faturação da empresa - mas que o regulador justifica com a gravidade da situação.



Tal como já tinha acontecido noutros países, a Google é condenada pela recolha ilegal de informação associada às contas de Internet dos utilizadores residentes nas ruas onde os carros de recolha de imagens da empresa passaram para capturar informação para o Street View.


Senhas de acesso à Internet, informação de registo das ligações, números de série dos equipamentos Wireless, dados das mensagens de texto dos utilizadores das redes, informação de cartões de crédito e endereços de email estarão entre os dados recolhidos pela Google sem permissão entre 2009 e 2010, avança a imprensa local. No total serão mais de meio milhão de registos de informação.



Recorde-se que em abril do ano passado outro caso do género na Alemanha teve uma decisão final, que resultou numa multa de 145 mil euros para a gigante da Internet. Ambas as condenações têm pouco impacto nas contas da empresa, tendo em conta os níveis de receita gerados pela empresa.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.