Os dados constam de um estudo da Ericsson que, sem surpresas, também coloca os topos de gama do sistema operativo móvel da Google no conjunto de dispositivos que mais dados gastam em média (4GB por mês).

São vários os fatores que justificam a situação, começando pelo tamanho dos ecrãs. Com ecrãs e resolução normalmente maiores, as imagens descarregadas para os telefones Android também acabam por ser maiores. Paralelamente, este tipo de dispositivos também são mais usados para ver filmes e outros vídeos.

A versão do sistema operativo também influencia o consumo de dados. O estudo refere a ineficiência do Android, em geral, em gerir aplicações no background comparativamente ao iOS, pelo menos até a versão Jelly Bean, já que é algo supostamente melhorado no Android 4.4 KitKat.

O relatório fala da má gestão do encerramento das aplicações, que mesmo que não estejam a ser utilizadas, continuam a funcionar em background, ligando-se à rede e descarregando dados.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.