O Gartner Group prevê que em 2005 sejam vendidos mais de 730 milhões de telemóveis. Contudo, a consultora diz que obter uma boa performance não será fácil e que este ano traz aos fabricantes o desafio de conseguirem manter os níveis de venda no mercado de substituição e fornecer terminais abaixo dos 50 dólares nos mercados emergentes.



No ano passado, o número de terminais vendidos foi de 674 milhões, representando uma melhoria de 30 por cento face às vendas registadas em 2003. O maior contributo para o crescimento das vendas chegou dos mercados da América Latina que, sobretudo no último trimestre do ano, atingiram níveis de vendas bastante fortes com a adição de mais 19 milhões de subscritores, dos quais 7 milhões no Brasil.



Por fabricantes, a Nokia terminou o ano com uma quota de 30,7 por cento. O segundo lugar de vendas a nível mundial permanece com a Motorola, que regista uma quota de 15,4 por cento, seguida pela Samsung com 12,6 por cento. A Siemens fechou o ano com uma quota de 7,2 por cento e a LG, ficou em quinto lugar com uma quota de 6,3 por cento.



Notícias Relacionadas:

2005-01-28 - Vendas de telemóveis aumentaram 24 por cento no quarto trimestre de 2004


2003-09-07 - IDC prevê crescimento recorde do mercado de telemóveis em 2004

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.