No final de julho último, 81,9% dos lares em Portugal subscreviam serviços de televisão, num total de 3,3 milhões, de acordo com o estudo Barómetro de Telecomunicações da Marktest.

A taxa de penetração mostra uma grande evolução comparada com os 46,4% registados em 2006, mas revela uma ligeira quebra face a 2017, quando chegou a ser de 82,7%.

Considerando o tipo de acesso, observa-se que o número de lares com fibra ótica tem vindo a aumentar. No sentido inverso, o número de lares cujo acesso a este tipo de TV se faz através de cabo diminuiu.

A subscrição de TV paga é superior junto dos lares onde a idade do ICMR (Indivíduo que Contribui com o Maior Rendimento) se situa abaixo dos 55 anos, na Região da Grande Lisboa ou entre as classes mais elevadas, acrescenta a Marktest.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.