De acordo com os dados da Anacom, no final de março existiam 16,445 milhões de cartões SIM ativos, menos 1,7% do que no final de 2014. Deste número, apenas 12,8 milhões foram efetivamente utilizados no primeiro trimestre, o que corresponde a 77,7% do total.

Até agora os números comunicados pelo regulador do mercado de comunicações têm sido sempre a subir, com a multiplicação do número de cartões móveis (para telemóveis e pens de Internet de banda larga móvel) o que tem colocado Portugal entre os países com taxas de penetração de serviços móveis mais elevadas da Europa e no Mundo.

No último trimestre de 2014 os números tinham continuado a rota de crescimento, e estavam ativos 16,7 milhões de cartões SIM, dos quais 13 milhões foram efetivamente utilizados nesse período.

Na altura a quebra era sentida na receita média por utilizador (ARPU), que rondava os 11,1 euros, o valor mais baixo de sempre, o que teve também impacto nas receitas de operadores, que se cifraram em 1.756 milhões de euros, menos 12,3% do que no ano anterior.

Em sentido contrário nos primeiros três meses deste ano o serviço fixo de telefone teve o maior impulso dos últimos 5 anos, arrastado pela adesão crescente a serviços multiple play (que conjugam telefone, Internet e TV, somando muitas vezes telemóveis e banda larga móvel).

Em termos de quota de mercado a Meo é o líder em número de cartões ativos, com 47,5%, seguindo-se a Nos com 18,9%, que foi a única a reforçar o número de assinantes.

A Anacom deixa ainda uma nota adicional para o facto da utilização de planos tarifários pré-pagos estar em queda. No final do primeiro trimestre 54,3% dos cartões móveis estavam ligados a planos pré-pagos, numa quebra de 10,8% face ao mesmo período do ano passado, o que a Anacom explica com o crescimento dos tarifários multiple play, neste caso 4Play ou 5Play.

Em termos de serviços, a videotelefonia, mobile TV e outros serviços típicos da banda larga móvel, já contam com cinco milhões de utilizadores. O crescimento da utilização destes serviços está associado ao aumento do acesso à Internet através do telemóvel, que subiu 25,3% devido à expansão das ofertas em pacote e à crescente penetração dos smartphones, indica a Anacom.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.