No final deste ano, um quinto dos subscritores de serviços móveis a nível global estarão já a usar 5G, o que representará um crescimento de 63% na utilização da tecnologia no último ano, traduzido na sua adoção por mais 610 milhões de clientes. O número global de utilizadores 5G aumentará assim no final do ano para 1,6 mil milhões, mais 100 milhões do que o previsto inicialmente.

Os dados constam da edição de novembro do Ericsson Mobility Report, onde também se destaca que o consumo médio global de dados por smartphone continua a crescer. Entre o final deste ano e o fim de 2029 deverá triplicar, tanto graças à evolução dos equipamentos e da capacidade das redes, como à maior disponibilidade de conteúdos mais exigentes, em termos de recursos.

Na Europa Ocidental, em 2029 e em média, cada utilizador vai consumir cerca de 64 GB em dados móveis. No final deste ano, essa média deverá rondar os 27 GB, indica o relatório.

Apura-se ainda que daqui a seis anos, em 2029, as subscrições globais de 5G terão aumentado mais de 330%, para 5,3 mil milhões de pessoas, representativas de 85% da população mundial, uma taxa de cobertura que deverá ser igual na Europa Ociental. Até final deste ano, o 5G estará acessível a 45% da população global.

Por regiões, a América do Norte continua a avançar mais rapidamente na adesão às tecnologias 5G, que até final deste ano deverão chegar a 61% dos utilizadores de serviços móveis. Destaca-se também a Índia, onde o 5G foi lançado há pouco mais de um ano e no final de 2023 deverá já ser usado por 11% da população.

“A expansão do 5G persiste, e observamos um número crescente de redes 5G autónomas a serem implementadas. Tal cria oportunidades para suportar novas e mais exigentes aplicações, tanto para consumidores, como para empresas", sublinha Fredrik Jejdling, Executive Vice President e Head of Networks, Ericsson.

Para quem “chega” ao 5G, o acesso móvel otimizado de banda larga, o acesso sem fio fixo wireless, o gaming e os serviços baseados em AR/VR, são os mais valorizados e usados, numa primeira fase. O relatório mostra que a tecnologia está também a ter um papel cada vez mais relevante na transformação digital da indústria.

A Ericsson destaca ainda que a faixa média 5G tem-se revelado a opção ideal para oferecer a a melhor experiência com a tecnologia. “A cobertura populacional global da faixa média 5G está atualmente acima de 40%, um aumento em relação aos 30% registados no ano transato”.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.