Foi ontem apresentado em São Paulo o primeiro telemóvel com sistema operativo inteiramente desenvolvido no Brasil. O equipamento foi concebido por técnicos do Laboratório de Sistemas Integráveis - LSI - da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, refere a Agência Brasil.




O equipamento, que ainda não tem data de lançamento prevista, foi pensado para os mercados subdesenvolvidos, isto numa primeira fase já que a possibilidade de estender a sua comercialização a outras regiões não é colocada de parte.




Por enquanto, sabe-se que o dispositivo está preparado para ser utilizado em qualquer localização geográfica já que funciona com sistema "triband", operando em três frequências diferentes.




Citado pela mesma fonte, João António Zuffo, coordenador do LSI e responsável pelo projecto, referiu que o sistema operativo integrado no equipamento é semelhante ao formato Windows utilizado noutros equipamentos móveis. O desenvolvimento do software exigiu a contribuição de 40 engenheiros que trabalharam no sistema operativo durante um ano e meio, acrescentou Zuffo.




O mesmo responsável frisa que o sistema é considerado novo porque foi desenvolvido para atender a todas as necessidades dos países em desenvolvimento e porque foi elaborado sobre uma geração intermediária, denominada 2,5.




De acordo com o engenheiro podem ser desenvolvidas várias aplicações compatíveis com o referido sistema, "sempre com o foco no baixo custo e no acesso à área digital incluindo Internet a uma velocidade razoável".




O preço do equipamento deverá "ser muito baixo" uma vez que "em engenharia, o Brasil tem alta competência, custo internacional relativamente baixo e os componentes do hardware são importados, porque no Brasil não há indústria electrónica para isso".




Notícias Relacionadas:

2007-05-03 - Nokia apresenta sete modelos de telemóveis para mercados emergentes

2005-06-30 - Philips quer produzir telemóveis a 20 euros para mercados emergentes

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.