Os europeus e os norte-americanos estão a gastar mais de 1,18 mil milhões por ano em conectividade quando viajam, revela um estudo da iPass (empresa de soluções Wi-Fi), realizado pela Rethink Research.

A empresa apurou que os viajantes europeus estão a gastar cerca de 381,3 milhões de euros por ano em roaming e no acesso a redes de Internet sem fios enquanto viajam na região. Nas viagens para outros continentes gastam mais 336,9 milhões de euros. Já os norte-americanos gastam por ano 467,3 milhões de euros nas suas viagens para fora do país.

Os montantes somam roaming e acesso a redes Wi-Fi pagas, já que como indica a iPass muitos empresários estão a deixar de usar as redes gratuitas e a preferir as opções pagas, porque as primeiras obrigam a registo, são inseguras e lentas.

A iPass estima ainda que se os norte-americanos apenas usassem roaming gastariam entre 736 euros e os 1.582 euros anualmente em comunicações de roaming, enquanto os europeus gastariam entre os 1.296 euros e os 1.894 euros.

A iPass também defende que as novas regras europeias, que em 2017 vão eliminar as tarifas de roaming não vão ter um impacto massivo pois o consumo de dados fora do país, por estes profissionais situa-se a níveis que vão continuar a representar encargos.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.