Os rapazes entre os 12 e os 18 anos usam os serviços de mensagens essencialmente para combinar coisas entre si e preferem fazê-lo sem ter de prolongar conversas. Eles vêm o telemóvel sobretudo como um sinal de status e defendem mesmo que as longas conversas através mensagens são coisa de raparigas. No entanto, admitem que quando conversam com elas entram no jogo e prolongam as conversas virtuais.


As raparigas, por seu lado, gostam de socializar trocando mensagens e apreciam a possibilidade de ilustrar essas conversas com bonecos expressivos (emoticons). Os rapazes reservam a utilização destes recursos para conversas com raparigas.


A mesma pesquisa, publicada no Journal of Children and Media e divulgada no Alphagalileo, conclui que as raparigas olham para este meio de comunicação como uma forma de construir e manter amizades. Também revela que, em média, os adolescentes enviam e recebem 60 mensagens por dia.


A pesquisa foi realizada nos Estados Unidos e teve por base a observação de nove grupos de adolescentes.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.