O modo escuro está a tornar-se uma tendência, que vai além do design e que tem benefícios a nível da bateria, e esta semana a Google lançou mais algumas versões de apps em dark mode. A Apple tem também novidades nesta área, integradas no novo iOS14 que já está disponível em versão beta e pode ser experimentado nos iPhone, como o SAPO TEK explica esta semana, com detalhes sobre como instalar.

E como estamos a nível de jogos? Fortíssimos! A equipa do SAPO TEK continua a fazer todas as semanas uma análise de jogos casuais ou mais avançados para descobrir o que os leitores podem instalar nos seus equipamentos, e trazemos hoje mais duas novas sugestões divertidas. Mas há também ferramentas para melhorar as fotografias que partilha no Instagram, usando novos fundos, e uma app para saber mais sobre os livros sem ter de os ler livros de fio a pavio.

Veja as nossas sugestões e aproveite para renovar o stock de aplicações no seu smartphone ou tablet.

Sem tempo para ler livros de fio a pavio? Com esta app pode ouvi-los em poucos minutos

A 12min é uma espécie de “2 em 1”: é uma aplicação sobre audiolivros, mas também sobre resumos. As duas coisas juntas dão qualquer coisa como uma app de micro audiolivros. Ou será de micro livros áudio?

A proposta dos criadores da 12min passa por proporcionar a leitura de livros em troca de apenas - lá está, como o próprio nome indica - 12 minutos de cada vez. Mas não são livros por inteiro.

A aplicação na realidade não disponibiliza livros completos, mas sim micro livros, ou mais precisamente resumos dos livros em questão. A equipa da 12min “mastiga” as páginas todas e retira as ideias principais para construir o conteúdo que depois é apresentado.

Convém salvaguardar que a app não tem quaisquer livros de ficção e que os resumos disponíveis podem ser ouvidos, mas também lidos.

A 12min tem uma versão gratuita, mas limitada a algumas opções. O acesso ilimitado pode ser subscrito num pacote anual, havendo uma versão trial de três dias sem custos. Está disponível para dispositivos Android e iOS.


Criar uma aplicação a partir de bases de dados ou documentos do Excel? Com a Open as App é possível

Não precisa de experiência prévia no mundo da programação para criar uma aplicação a partir da Open as App. A solução tecnológica orientada para empresas permite criar aplicações em minutos a partir de bases de dados ou folhas de cálculo do Excel ou Google Sheets.

As aplicações podem ajudar as empresas a estabelecer uma melhor comunicação entre equipas de colaboradores, entre outras organizações ou com o público. É verdade que ter conhecimentos no mundo das linguagens de código é uma competência muito útil, mas para quem ainda está a começar pode ser mais difícil criar uma aplicação mobile de raiz.

A Open as App permite criar aplicações em minutos a partir de bases de dados ou folhas de cálculo do Excel ou Google Sheets sem necessitar de experiência prévia em programação. A solução tecnológica é usada por mais de 16 mil empresas, incluindo a Siemens, a T-Mobile e até a McDonald's.

Para começar a desenvolver uma aplicação precisa primeiro de criar uma conta na plataforma. De seguida, terá de passar todos os dados que vai utilizar para o dashboard de criação e escolher o modelo de aplicação que mais se adequa às suas necessidades.

Depois de personalizar o design e funcionalidades, poderá partilhá-la. Se precisar de inspiração pelo caminho pode sempre consultar a biblioteca de aplicações da Open as App.

A aplicação está disponível tanto para Android, na Play Store, como para iOS, na App Store. A Open as App conta com um modo gratuito, mais adequado para equipas até 5 colaboradores, e com várias modalidades pagas a partir dos 39 euros por mês direcionadas para empresas de maiores dimensões.


Montagens rápidas e fáceis. Com esta app pode colocar fotografias em fundos que não deixam ninguém indiferente

Quer "viajar" até à Casa Branca? A Remove BG torna o processo bastante fácil. Basta uma fotografia sua, um recorte automático da app e a escolha do fundo.

O Photoshop consegue retirar eficazmente o fundo de imagens, mas a verdade é que não está ao alcance de todos, nem é qualquer um que o consegue utilizar. A pensar nestes casos, há uma aplicação que permite remover de forma automática o fundo das fotografias e colocar o resultado final em imagens de locais um pouco por todo o mundo, desde Portugal, Nova Zelândia, Estados Unidos e África do Sul.

Ao utilizar a aplicação Remove BG pode importar as imagens da galeria, ou tirar uma fotografia no próprio momento, e retirar o fundo. Tem a possibilidade de escolher a opção automática e retocar com a borracha o que achar que ainda poderá ser “afinado”. Para isso, conta com a ajuda de uma lupa com zoom, que torna mais fácil e precisa a tarefa.

Quando tiver terminado esse passo pode colocar a imagem num fundo à sua escolha, com uma grande variedade de fotografias, tanto de natureza como de cidades. Quer "viajar" até à Casa Branca, nos Estados Unidos, ou até à Torre Eiffel em Paris, por exemplo? Com esta app é possivel. Para além dos fundos, adicionar textos e stickers à imagem é outra opção.

A app é gratuita e está disponível na Google Play Store.


Live Link Face: esta app consegue captar movimentos e expressões faciais para personagens de videojogos

A aplicação foi criada pela equipa responsável pelo Unreal Engine e está disponível gratuitamente para iOS.

Chama-se Live Link Face e é uma simples aplicação de telemóvel, capaz de captar expressões faciais e de as transformar no seu equivalente animado, aplicando-as num personagem de videojogo. O software foi desenvolvido pela equipa do Unreal Engine, que é um conhecido motor de desenvolvimento de jogos, criado pela Epic Games.

Esta app, que está apenas disponível para iOS, recorre à plataforma de realidade aumentada da Apple, a ARKit, e à tecnologia TrueDepth, integrada nas câmaras frontais dos smartphones da marca, para potenciar esta transformação (quase) instantânea.

Para além de expressões faciais, a app capta ainda o movimento da cabeça e do pescoço e permite a colaboração entre vários dispositivos, para que a captação seja ainda mais precisa e alcance vários ângulos ao mesmo tempo.

tek live link face

A empresa revela que esta não é uma ferramenta necessariamente exclusiva para estúdios de videojogos, mas sim um software que permite criações artísticas mais amplas, seja por parte de estúdios independentes do meio ou por artistas que trabalhem sozinhos e queiram introduzir uma personagem animada de forma fidedigna numa das suas criações. "A contínua democratização das ferramentas de tempo real para a produção virtual é um dos principais objetivos da Unreal Engine", escreve a tecnológica em comunicado.

Não se sabe se há uma versão para Android em desenvolvimento - a empresa não faz qualquer menção ao assunto. No entanto, seria complicado assegurar que a app funcionaria de igual forma com todas as câmaras fotográficas disponíveis no ecossistema Android.

A Live Link Face já está disponível, gratuitamente, na App Store.


Topic Twister ou um “stop” para jogar com o smartphone em vez da folha de papel

Mundialmente famoso, o jogo do stop (ou dos países, como também é conhecido por alguns) tem umas quantas versões mobile. De acesso gratuito, o Topic Twister é uma das hipóteses.

Encontrar palavras, em diferentes categorias, começadas por determinada letra, num período limitado de tempo: são essas as regras básicas do Jogo do Stop e também do Topic Twister.

Para jogar esta versão mobile tem de registar-se ou com uma conta de Facebook ou com um endereço de email. A partir daí escolhe um adversário, o que pode ser feito entre a lista de amigos que já tenha convidado, e que também tenham descarregado o jogo, ou de forma aleatória, com oponentes sugeridos automaticamente.

Encontrado o adversário, basta fazer girar a roda que irá determinar a letra que terá de estar no início das palavras escolhidas para cinco categorias em jogo, que poderão ser países, frutas e vegetais, marcas, capitais do mundo, profissões, entre muitas outras.

Cada partida tem três rodadas e, no final, ganha quem tiver respondido corretamente a mais palavras num minuto em mais rodadas.

O Topic Twister é gratuito, com publicidade e com compras in app, e está disponível tanto a partir da Play Store como da App Store.


Resolva quebra-cabeças enquanto responde aos pedidos de monstrinhos virtuais em Pokémon Café Mix

No novo jogo da The Pokémon Company terá de assumir o papel de um proprietário de um café frequentado pelos monstrinhos virtuais. Para realizar cada um dos pedidos é necessário resolver quebra-cabeças. E é importante criar bons laços de amizade com os clientes.

Em junho, a The Pokémon Company anunciou a chegada de mais um título para mobile e para a switch onde os monstrinhos virtuais voltam a estar em destaque. O novo Pokémon Café Mix combina a estratégia dos quebra-cabeças com a aventura dos jogos de simulação e de gestão de espaços comerciais.

No jogo, terá de assumir o papel de um proprietário de um café frequentado por Pokémon. À medida que os clientes fazem os pedidos, a sua missão será liderar uma equipa de funcionários, também eles Pokémon, e assegurar que todas as tarefas são cumpridas.

Para realizar cada um dos pedidos é necessário resolver quebra-cabeças. Mas atenção: há um número limitado de jogadas que podem ser feitas e será necessário aproveitar às habilidades especiais do staff de Pokémon ou recorrer aos objetos disponíveis. Se por acaso não conseguir resolver um dos puzzles, perderá uma das suas cinco “vidas”. Se as perder todas já não poderá aceitar novos pedidos.

Ao abrir o seu café contará inicialmente com a ajuda do Eevee. Porém, ao conseguir atender com sucesso aos pedidos, ganhará estrelas que irão encher a barra de amizade dos clientes. Se a barra foi preenchida, o cliente vai oferecer-se para trabalhar no café, trazendo consigo novas habilidades e pratos específicos.

Quando completa de forma bem-sucedida os pedidos que lhe são apresentados, recebe bolotas douradas que lhe permitem comprar novos objetos e melhorias para o café, assim como técnicas adicionais de resolução dos quebra-cabeças.

A aplicação é gratuita e está disponível para tanto para Android, na Play Store, como para iOS, na App Store. Já quem prefere jogar na Switch, poderá encontrar uma versão grátis do jogo para a consola na loja digital da Nintendo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.