Carregadores e equipamentos USB primam pela praticabilidade. Ambos são fáceis de usar e quase universais, mas estas vantagens também acarretam alguns riscos de segurança, nomeadamente a disseminação de malware proveniente de aparelhos infetados e o leak de dados pessoais, caso o equipamento caia nas mãos erradas. Mas há quem queira prevenir situações como estas. Para isso, o USB Implementors Forum, que é uma ONG criada para suportar e alavancar o desenvolvimento da tecnologia USB, lançou o USB Type-C Authentication Program.

Sugestão TEK: 6 pens USB com funcionalidades e utilidade extra
Sugestão TEK: 6 pens USB com funcionalidades e utilidade extra
Ver artigo

O programa vai definir os padrões de autenticação criptográfica para equipamentos e carregadores USB-C. Na prática, isto significa que qualquer aparelho com uma entrada deste tipo vai conseguir confirmar a autenticidade da máquina que está a tentar comunicar consigo via USB-C.

Assim, será possível configurar o seu smartphone para suportar apenas um conjunto pré-definido de carregadores, ou o seu portátil, para comunicar apenas com discos externos de uma determinada marca, por exemplo.

Por esta altura, o programa é apenas uma recomendação, uma vez que a implementação não é compulsória. No entanto, de acordo com Jeff Ravencraft, presidente da USB-IF, esta iniciativa aponta para o futuro dos requerimentos de segurança da tecnologia USB-C.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.