O dia já foi marcado no início do mês, reservando o 19 de setembro para o lançamento da nova versão do Mate, a linha de smartphones mais artilhada da Huawei. E desta vez foi a própria empresa a divulgar nas suas redes vários pormenores e detalhes a antecipar o design e as características do Mate 30, que na versão Pro deverá ter 4 câmaras traseiras, arrumadas num círculo.

Na semana passada a fabricante chinesa confirmou também que vai haver um modelo que dá continuidade à parceria com a Porsche Design, o Huawei Mate 30RS, cujas especificações só hoje foram relevadas.

Huawei vs EUA: Crónica de uma guerra longa com impactos que ainda têm de ser medidos
Huawei vs EUA: Crónica de uma guerra longa com impactos que ainda têm de ser medidos
Ver artigo

O SAPO TEK está em Munique a acompanhar em direto todas as novidades, sendo que a principal questão não está, desta vez, no conjunto de características do hardware mas sim no sistema operativo que a Huawei vai utilizar, se Android se HarmonyOS, e de que forma pretende dar acesso às aplicações Google e a outras apps que atualmente estão na Google Play, a loja de aplicações que não pode vir instalada de origem no Android aberto que poderá ter de usar.

A data de comercialização é outra dúvida que se mantém, e especula-se igualmente se o smartphone estará ou não à venda na Europa, sobretudo em países como o Reino Unido onde tem havido algum alinhamento com a posição de bloqueio do governo norte americano.

Estamos a fazer o acompanhamento em direto, por ordem cronológica, da conferência. Siga tudo aqui.

- Richard Yu, presidente da área de consumo, assumiu o palco mostrando o crescimento de janeiro a agosto, onde a área de smartphones cresceu 26%, e reforçando o agradecimento aos clientes pelo seu apoio.

- Relembrando os lançamentos do Mate 20 X e o anúncio do Mate X, dobrável, Richard Yu diz que este ano a empresa quer repensar as possibilidades, com o Mate 30 e o Mate 30 Pro

- Antes de apresentar detalhes, ainda houve tempo para brincar com o design icónico do iPhone 11, numa comparação habitual

- o Halo Ring Design, inspirado nas câmaras profissionais, para acolher as câmaras, o design fino e a curvatura são os primeiros destaques do Mate 30 e 30 Pro

Lançamento Huawei - Mate 30

- O Horizon Display. que leva o ecrã de 6,53 polegadas Flex OLED do Mate 30 Pro, com curvatura até aos 88 graus, mais do que a concorrência, é também sublinhado. A moldura não existe nas laterais e em cima é de apenas 4,2 mm, enquanto na base aumenta ligeiramnete para 4,8 mm

- O formato dos novos Mate faz com que seja fácil de segurar, mesmo o Mate 30 que tem um ecrã ainda maior, de 6,62 polegadas,

- A bateria de 3.200 mAh e 4.500 mAh do Mate 30 e Mate 30 Pro ajudam a continuar a comparação com o iPhone 11 Pro Max

- Como era esperado o notch é mais pequeno, mas Richard Yu diz que é também o mais sofisticado do mundo

- A interação também muda, com duplo toque na lateral para liar, um controle de teclas invisíveis que foi mostrado por Richard Yu, assim como a possibilidade de mudar o botão de câmara virtual para selfies

- As cores black, space silver, cosmic purple, emerald green que usam nova tecnologia de mate a brilhante na traseira, mas anti deslize, que torna mais confortável o uso.

-As palmas da audiência fizeram-se ouvir para uma versão Vegan Leather edition, com cores laranja e verde. Ao todo são 6 cores, diferenciadoras no novo Mate 30 Pro

Performance melhorada

- Depois do design vem a performance, com o Kirin 930, um CPU 23% mais rápido, GPU 39% mais rápido e um NPU que melhora o desempenho em 460%

- Para o 5G a Huawei pôs em campo o seu conhecimento de tecnologia e telecomunicações, com 21 antenas para 4G e 14 antenas dedicadas para 5G, chegando a 25x mais rápido do que o 4G, e com uma tecnologia de nova geração que o novo iPhone 11 não tem.

Lançamento Huawei - Mate 30

- Carregamento rápido e uma nova geração de wireless reverse charge, 3 vezes mais rápida, estão também no pacote, e em separado há um SuperCharge para viagem e um In-Car Wireless SuperCharge de 27 W, mais conveniente

A liderança da fotografia

- Agora é a vez da fotografia. O Mate 30 tem um sistema de câmaras novo, com um sensor SuperSensing Wide de 40 MP, combinado com Ultra-wide de 16 MP e Telephoto de 8 MP, e um Laser Focus. O ISO 204800, 45x de zoom e macro de 2,5 mm.

- Por dentro o sensor RYYB de 40 MP consegue 40% mais luz, e as comparações com o Galaxy Note 10+ para fotografia noturna voltaram a arrancar aplausos da audiência.

- O Mate 30 Pro estica ainda mais estas características: há um Ultra Wide Cine com 40 MP, a mesma qualidade da SuperSensing Wide, e uma telephoto de 8 MP, e um sensor de profundidade 3D. De notar que duas das câmaras têm OIS.

- Para o vídeo a Huawei tem aquela que garante ser a primeira câmara dedicada de 40 MP, uma Cine Camera, que filma em 4K HDR+e 7680 frames por segundo quando o iPhone 11 Pro Max faz 240 frames por segundo

- A funcionalidade de Ultra Slow-motion foi demonstrada com um video de um pássaro beija flor e é impressionante. E a comparação é feita com câmaras profissionais.

- As comparações continuam no video, com estabilização e 4K Time lapse com um vídeo de 24 horas de vários cenários naturais.

- A integração está garantida com acessórios para melhorar a qualidade de vídeo, como o Osmo, um gimbal para estabilização de vídeo

Android 10 por dentro

- Richard Yu mostra agora o EMUI 10, baseado no Android 10 da Google, que vai integrar os novos Mate

- O display always on, com os principais destaques no ecrã mas sem "acordar" o telefone, e mais opções de design de relógio, assim como um Dark mode com mais legibilidade mas menos consumo, são alguns dos principais destaques

. Na usabilidade é o Fluid Motion, e o sensor inteligente de gestos, foram também demonstrados por Richard Yu, assim como a rotação automática mais inteligente com AI,

- A colaboração em vários ecrãs e uma caneta M-Pen, trazem mais funcionalidades e o computador para dentro do smartphone

- Para autenticação há uma nova geração de sensores de impressão digital e reconhecimento de rosto

- Até agora nem uma palavra sobre os serviços Google e a instalação da loja de aplicações

- Chegou a vez da parceria com a Porsche Design para o Mate30 RS, que a Huawei já tinha revelado

Lançamento Huawei - Mate 30

- O design específico, mas também as opções pelo melhor design e funcionalidade, com o "sentido de luxo", foram destacados nas opções do novo flagship

- O acabamento em pele dá mais durabilidade, mas Richard Yu desaconselha a sua imersão em água, apesar de ter a certificação IP68

- A memória RAM é de 12 GB e o armazenamento de 256 GB, características que não foram ainda reveladas para o Mate 30 nem para o Mate 30 Pro.

Smartwatch Watch GT 2

- Depois do lançamento do Watch GT, que vendeu mais de 3 milhões de unidades, a Huawei lança hoje a nova versão, o GT 2 com duas edições de 26 e 42 mm, num modelo mais leve e mais fino

- Por dentro tem o processador Kirin A1, e agora pode receber chamadas e guardar até 500 músicas para ouvir no relógio

- A bateria dura 2 semanas, pode ser levado para a natação e as corridas mais radicais, e pode monitorizar os níveis de stress

Lançamento Huawei - Mate 30

- No áudio os FreeBuds 3, com cancelamento de som open fit, que Richard Yu garante ser os primeiros no mundo, foram também apresentados em palco

- E finalmente a Huawei Vision. "as pessoas pensam que é uma TV, mas é mais um ecrã grande de smartphone", afirmou Richard Yu, com 4K Quantum Dot e som 5.1. Claro que dá para ver a TV, mas tem comandos de voz e está sempre em stand by

- Vai estar disponível em 55, 65 e 75 polegadas, mas não foi revelado quando, nem a que preço

- Os primeiros preços sobem ao palco, primeiro dos Watch GT 2 , a partir de 229 euros na versão de 42 mm, mas que passa a 249 euros na versão de 46 mm. vai estar à venda no próximo mês

- Richard Yu revelou também os preços do Mate 30, que começa nos 799 euros, para a versão de 8 GB e 128 GB passando para  1.099 euros na versão Mate 30 Pro e 1.199 euros na versão 5G. O Porsch Edition vai custar 2.095 euros.

- Richard Yu falou ainda do investimento da empresa nos Huawei Mobile Services, que já ultrapassou os mil milhões de euros, e na abertura à comunidade móvel, mas nunca referiu a data em que os novos modelos vão chegar ao mercado, nem se têm os serviços Google. Fica porém implicito que não vão ter

Fechada a apresentação, agora é tempo de experimentar os equipamentos

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.